Cidadeverde.com

Negócios: cai de 48% para 30% os empresários que notaram piora em 2017

A crise econômica foi dura e forçou muitos empresários a passarem por uma completa readaptação de seus negócios. Ainda assim, sinais mais tranquilos podem ser vistos no horizonte próximo. 

Uma sondagem realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em todas as capitais do país revela que o percentual de comerciantes e empresários de serviços que notaram piora na situação financeira de seus negócios diminuiu de 48% em 2016 para 30% em 2017, o que configura uma queda expressiva de 18 pontos percentuais em 12 meses. 

No mesmo sentido, aumentou de 15% para 21% o volume de empresários que observaram um desempenho melhor no último ano na comparação com 2016. A situação permaneceu estável para 40% dos entrevistados.

Entre aqueles que melhoraram a performance de suas empresas ao longo do ano passado, 51% presenciaram resultados mais expressivos nas vendas e 27% conseguiram ampliar a carteira de clientes. Há ainda 9% de varejistas que diversificaram os produtos ofertados.

Considerando aqueles que amargaram um ano pior para as finanças da empresa em 2017, mais da metade (51%) argumentam que não tiveram um bom resultado nas vendas, alternativa que em 2016 era ainda maior: 63% da amostra. Também são citados a diminuição da margem de lucro (34%) e aumento a concorrência (24%).

Prazo para adesão à programa de refinanciamento de débitos é prorrogado

A Prefeitura de Teresina prorrogou, por mais 30 dias, o prazo para adesão do Programa de Parcelamento Incentivado (PPI). Os contribuintes que queriam regularizar seus débitos junto ao fisco municipal terão agora até o dia 16 de fevereiro. Dentro do primeiro prazo foram recuperados mais de R$ 29 milhões.  

Através do PPI, os contribuintes podem obter descontos de até 100% em multas e juros nos casos de pagamento a vista e até 80% em parcelamentos. Para os pagamentos à vista, os contribuintes devem emitir boleto via internet disponível no site ppi.teresina.pi.gov.br. Já as opções parcelamento devem ser feitas presencialmente nas Centrais de Atendimento ao Público (CAP).

Confira onde renegociar:

Unidade de Atendimento ao Público Centro – Rua Álvaro Mendes, 860 – Centro – Teresina – Piauí | Telefone: (86) 3234-0300

Unidade de Atendimento ao Público Leste – Avenida Zequinha Freire, 370, Bairro Uruguai– Teresina – Piauí | Telefone: (86) 3215-7870

Eletrobras: TRF nega recurso e mantém privatização suspensa

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), em Pernambuco, negou o pedido de suspensão de liminar, apresentado pela União, para incluir a Eletrobras e suas subsidiárias no Programa Nacional de Desestatização. O pedido foi indeferido pelo presidente do TRF5, desembargador federal Manoel Erhardt. A liminar foi concedida na última quinta-feira (11) pela 6ª Vara Federal da Seção Judiciária do estado.

Em sua decisão, o presidente do TRF5 diz que "não se visualiza, ao menos por ora, risco iminente ao insucesso do programa, dado que o próprio cronograma é algo indefinido”.

Na semana passada, o juiz Carlos Kitner, da Justiça Federal em Pernambuco, concedeu uma liminar para suspender o Artigo 3º da Medida Provisória (MP) 814, editada em 29 dezembro de 2017, que retirava de uma das leis do setor elétrico a proibição de privatização da Eletrobras e de suas subsidiárias.

A ação popular foi aberta na terça-feira (9) pelo advogado Antônio Accioly Campos. Ele questionou a revogação, pela MP, do Artigo 31 da Lei 10.848/2014, que excluía a Eletrobras e suas controladas (Furnas, Companhia Hidroelétrica do São Francisco, Eletronorte, Eletrosul e a Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica) do Programa Nacional de Desestatização.

INSS: prazo para prova de vida termina no dia 28 de fevereiro

Os beneficiários do INSS que não fizeram a prova de vida nos bancos em 2017 têm até 28 de fevereiro para cumprir o procedimento.

Cerca de 4,7 milhões, dos mais de 34 milhões de titulares de aposentadorias e auxílios, ainda não se recadastraram.

Para isso, não é necessário ir a uma agência da Previdência Social. O procedimento é feito diretamente no banco em que o beneficiário recebe o benefício, mediante a apresentação de um documento de identificação com foto.

O procedimento é obrigatório para todos os beneficiários do INSS que recebem seus pagamentos por meio de conta-corrente, poupança ou apenas cartão magnético para saque. 

Quem não fizer a prova de vida no tempo previsto terá o pagamento interrompido.

Piauí é um dos 5 estados que atingiram índices fiscais superavitários

Levantamento realizado pelo economista Raul Velloso aponta que o Piauí é um dos cinco estados brasileiros que foram capazes de melhorar sua situação fiscal nos últimos três anos. 

Além do Piauí, Maranhão, Ceará, Paraná e Alagoas também conseguiram reduzir os déficits. Esses estados conseguiram sair de um cenário financeiro negativo para um contexto de contas equilibradas e manutenção de investimentos.

“Um esforço para manutenção das receitas deve ter sido realizado para que esses estados tenham melhorado, assim como um trabalho para a contenção de gastos e boa gestão de recursos”, explica o especialista.

Segundo o governo, nos últimos três anos, o Piauí adotou um modelo de política fiscal que possibilitou um maior controle de gastos e incremento nas receitas do Estado. 

Quanto à redução de gastos, foi lançado, em março de 2017, o decreto que prevê uma queda de, no mínimo, 10% nas despesas essenciais, 20% nas contratuais obrigatórias, 25% nas despesas contratuais discricionárias e 30% nas despesas não contratuais discricionárias.

Além disso, o governo garante que trabalha em ações que possibilitam um melhor planejamento para eleger as prioridades de pagamentos.

“Para 2018, tomamos mais medidas que irão repercutir nesse fluxo, como o realinhamento de algumas alíquotas do ICMS. Estamos tentando algumas medidas para reduzir o impacto da ineficiência previdenciária, receitas extraordinárias, como novas operações de crédito, para podermos tocar as obras e o Tesouro Estadual poder ficar mais direcionado para a folha de custeio”, destaca o secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles.

Menor endividamento

Economista Raul Velloso

O governo acrescenta que o Piauí está no menor índice de endividamento de sua história. Os dividendos do Estado, que já chegaram a 85% (tamanho da dívida que o Estado tem em relação à receita corrente líquida), registrou patamares de 45%. 

Apenas em 2017, foram economizados cerca de R$ 177.410.147,22 em contratações de despesas correntes e cerca de R$ 16 milhões com o custeio da máquina pública.

O crescimento na arrecadação média (cerca de 10% de janeiro a novembro de 2017), somados a operações de créditos, possibilitaram a manutenção de investimentos. Mais de R$ 300 milhões foram aplicados em obras e equipamentos nas áreas de saúde, educação, desenvolvimento rural, gestão de recursos hídricos, meio ambiente, gestão pública e gestão de gastos em 2017.

“É importante destacar que o Governo foi capaz de tomar medidas, até mesmo impopulares, para diminuir o déficit fiscal. Ainda precisamos tomar outras medidas, porque ainda não estamos em uma situação absolutamente confortável”, alerta Rafael Fonteles.

Anac reajusta tarifas de embarque de voos domésticos e internacionais para 2018

O governo federal autorizou o aumento das tarifas de embarque, conexão, pouso e permanência nos aeroportos brasileiros. As informações foram divulgadas por meio de comunicado da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Os novos valores passarão a valer em 30 dias.

Os tetos das tarifas de embarque e conexão em voos nacionais foram reajustados em 4,58%. Com o aumento, a tarifa máxima de embarque doméstico a ser paga pelos passageiros passará de R$ 29,90 para R$ 31,27. No ano passado, o reajuste tinha sido de 7,98%. A tarifa máxima de embarque internacional, por sua vez, passará de R$ 115,64 para R$ 118,06. O valor já inclui o adicional do FNAC - fundo setorial criado para fomentar o desenvolvimento do sistema nacional de aviação civil, que corresponde a cerca de R$ 60. Os tetos das tarifas de armazenagem e capatazia de cargas foram reajustados em em 2,94%.

Confira abaixo como ficam as tarifas:

Aeroportos administrados pela Infraero - incluindo Teresina

Doméstico: R$ 31,27

Internacional: R$ 118,06

Guarulhos (SP)

Doméstico: R$ 29,53

Internacional: R$ 114,97

Viracopos (SP)

Doméstico: R$ 27,97

Internacional: R$ 112,19

Brasília

Doméstico: R$ 28,03

Internacional: R$ 112,31

Galeão (RJ)

Doméstico: R$ 29,41

Internacional: R$ 114,79

Confins (MG)

Doméstico: R$ 29,13

Internacional: R$ 114,28

São Gonçalo do Amarante (RN)

Doméstico: R$ 21,74

Internacional: R$ 101,19

Salvador (BA), Fortaleza (CE), Porto Alegre (RS) e Hercílio Luz (SC)

Doméstico: R$ 29,78

Internacional: R$ 115,43

Pesquisa revela o que os jovens esperam do 1º emprego

O que os jovens brasileiros esperam do primeiro emprego? A pergunta fundamentou uma pesquisa da Trendsity, em parceria com uma grande rede de franquias de fast food. Veja abaixo o que o estudo revelou:

- 80% dos entrevistados esperam bem-estar e estudos do primeiro emprego
- 46% querem remuneração
- 46% desejam que o 1º emprego não exija experiência prévia
- 40% querem aprendizagem e desafios
- 39% almejam possibilidade de crescimento
- 39% querem bons chefes
- 36% buscam capacitação

Para os entrevistados, as principais barreiras na hora de conseguir emprego são:

- 77% necessidade de experiência anterior
- 69% falta de oportunidades
- 68% falta de confiança nessa geração
- 58% dificuldade na transição do ensino médio para o mercado de trabalho

A pesquisa aponta ainda que 63% dos jovens procuram sentir-se valorizados e apoiados por seus empregadores. E esperam aprender sobre:

- trabalho em equipe (44%)
- idiomas (44%)
- criatividade (40%)
- liderança (35%)
- dicas para empreender (28%)

63% consideram que é preciso confiar nos jovens porque eles são o futuro. A pesquisa foi realizada on-line e ouviu jovens entre 16 e 27 anos. 

Empresa de saúde abre oito vagas para pessoas com deficiência

O Grupo Med Imagem está com vagas abertas para pessoas com deficiência. As oportunidades disponíveis são para as áreas de serviços gerais, recepção e administração. Para participar da seleção, os candidatos devem enviar o currículo para o endereço de e-mail rh@medimagem.com.br ou entregar pessoalmente no setor, localizado na Rua Paissandu.

Confira a descrição das vagas disponíveis:

- Auxiliar de Serviços Gerais:

Carga Horária: 44 horas semanais
N° de vagas: 08

Pré-requisitos:

• Ensino Médio concluído;
• Disponibilidade de trabalho nos turnos manhã e tarde ou regime de plantão 12x36;
• Curso de Higiene e Limpeza hospitalar ou experiência na área;
• Fluência verbal, bom relacionamento interpessoal, dinamismo.

 

Prefeitura do Ceará abre concurso com 224 vagas e salário até R$ 7,8 mil

A Prefeitura de Camocim, litoral do Ceará, divulgou edital de concurso público com 220 vagas e salários que vão de R$ 954 a R$ 7.795,29.

Os interessados devem fazer a inscrição entre 16 de janeiro e 14 de fevereiro no site da empresa responsável pelo certame. A inscrição custa R$ 85 para os candidatos de nível médio e R$ 120 para os de nível superior. A prova está prevista para ser aplicada em 18 de março. 

Clique aqui para ver o edital.

Há vagas para:
- agente administrativo
- assistente social 
- farmacêutico
- fonoaudiólogo
- médico psiquiatra
- professor de diversas disciplinas
- psicólogo
- técnico em enfermagem
- terapeuta ocupacional
- técnico em higiene bucal

Governo vai periciar 1,2 milhão de benefícios do INSS em 2018

Até o fim do ano, 1,2 milhão de benefícios do INSS devem ser periciados. O pente-fino nos auxílios-doenças e aposentadorias por invalidez estava sendo feito desde 2016, mas só somaram até agora 249,8 mil perícias. Dos casos analisados, 226,2 mil auxílios-doença foram cancelados, o que gerou uma economia de R$ 5,7 bilhões.

Os 3.864 peritos brasileiros terão que aderir a uma nova forma de trabalho para conseguir dar conta da meta de 1,2 milhão de perícias, mas essa mudança não é obrigatória. 

O perito que aderir terá de realizar quatro perícias diárias (em auxílios-doença e em aposentadorias por invalidez) e se colocar à disposição de mutirões quando o ministério julgar necessário.

As novas regras foram publicadas ontem (15) no "Diário Oficial da União" e os peritos interessados terão até 30 dias para informar se pretendem aderir ao novo sistema. O governo acredita que pelo menos 1,5 mil profissinais concordarão em fazer parte da ação. A média mensal será de 120 mil análises por mês.

Posts anteriores