Cidadeverde.com

Governo negocia operações de crédito de US$ 320 milhões com Banco Mundial

Foto: Ascom/Sefaz

O Governo do Piauí está negociando duas operações de crédito com o Banco Mundial, uma no valor de US$ 200 milhões e outra de US$ 120 milhões. Os recursos devem ser investidos ainda neste ano em setores como educação, saúde, fundiário, desenvolvimento rural, recursos hídricos e na gestão pública e financeira. As operações de crédito com o Banco Mundial devem ser assinadas pelo governador Wellington Dias no mês de outubro. Nesta quinta-feira (23), uma reunião na Secretaria da Fazenda com o especialista em finanças do banco, João Vicente Campos, discutiu mecanismos para tornar o gerenciamento financeiro do Estado mais eficiente. 

Segundo ele, dentre as atividades previstas junto ao Banco Mundial está o apoio ao Piauí na adequação às normas brasileiras de contabilidade aplicadas no setor público. “E a aplicação de um diagnóstico de gestão de finanças públicas e o apoio à CGE na adoção de mecanismos de aprimoramento de gestão”, afirma Campos.

O superintendente do Tesouro Estadual, Emílio Junior, acredita que a medida vai deixar mais eficiente o sistema. “Não só a gestão desses recursos dos empréstimos, mas todos os recursos do Piauí. Estamos aqui hoje tendo noções de ferramentas que são adotadas internacionalmente para melhorar a gestão financeira, contábil, de receita, despesas, auditorias internas e externas. Enfim adotar normas e deixar nosso sistema de controle da máquina pública tão eficiente quanto os melhores do mundo”, afirma. 

Riviera apresenta Peugeot 2008 neste sábado e promete surpreender mercado

  • IMG_9891.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9887.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9883.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9881.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9878.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9876.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9874.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9871.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9870.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9866.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9862.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9859.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9857.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9852.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9849.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9847.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9844.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9842.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde
  • IMG_9840.jpg Thiago Amaral/Cidadeverde

A Riviera apresenta neste sábado (25) seu futuro lançamento, o Peugeot 2008 - símbolo da estratégia de renovação da marca francesa, produzido na fábrica de Porto Real, no Rio de Janeiro. Com designe atrativo e moderna tecnologia embarcada, a novidade promete surpreender o mercado, com uma vasta gama de opcionais disponíveis desde a versão de entrada, a Allure Mecânico.

Em visita à Riviera, o gerente regional de vendas da Peugeot, Guilherme Leão, destacou a boa aceitação do veículo na etapa de pré-venda. "O 2008 é a grande aposta da Peugeot para este ano e esperamos vender cerca de 1.200 exemplares por mês no país. Esse carro já vem com o grande diferencial da marca, que é a tecnologia i-Cockpit e esperamos um ótimo volume de vendas em Teresina", declarou. A tecnologia i-Cockpit, exclusiva da Peugeot, que melhora a posição de dirigir, apresenta volante reduzido e central multimídia bem próxima às mãos do condutor. 

O lançamento oficial do Peugeot 2008 está previsto para o dia 13 de maio em todo o Brasil, mas nesse sábado, os clientes terão a oportunidade de conhecer melhor o novo modelo, das 8h às 14h, na Riviera da João XXIII.

Parceria Multiplus

Nesse período pré-vendas, os clientes que adquirirem o Peugeot 2008 serão beneficiados pela parceria da marca com a rede de fidelização Multiplus e receberão entre 15 mil e 25 mil pontos. A vantagem pode ser utilizada em revisões de veículos e serviços pós-vendas, na compra de peças e acessórios, em viagens, ou na aquisição de eletrodomésticos, computadores, TVs e outros itens. 

A parceria é exclusiva da Peugeot e inédita no setor. "O cliente que comprar pela primeira vez na casa ganha 10 mil pontos e o cliente que deixar um seminovo Peugeot como parte do pagamento e levar um 2008 terá 25 mil pontos que serão utilizados a seu critério. Ele pode, por exemplo, comprar passagens aéreas e hospedagens em hotéis parceiros da Multiplus. Hoje há pacotes completos no país por 6 mil pontos", finaliza o gerente regional de vendas.

Após 3 meses de demissões, Brasil volta a crescer na geração de empregos

 
A economia brasileira voltou a contratar em março, após três meses sucessivos de demissões. O Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgou que o país abriu 19.282 vagas de emprego formal no mês passado. Em dezembro de 2014, o país registrou o fechamento de 555.508 empregos com carteira assinada. Em janeiro e fevereiro deste ano, respectivamente, as demissões superaram as contratações em, respectivamente, 81.774 e 2.415 vagas formais. O valor do mês passado também superou março de 2014, quando foram criadas 13.117 vagas de trabalho.
 
 

Vestibular: Faculdade abre inscrições para o 2º período deste ano

A Facid/DeVry abriu as inscrições para o vestibular 2015.2. São oferecidas 1.195 vagas para o segundo período letivo desse ano, nos cursos de graduação em Administração, Ciências Contábeis, Direito, Enfermagem, Engenharia de Produção, Farmácia, Fisioterapia, Gastronomia, Medicina, Odontologia, Psicologia, Terapia Ocupacional, Sistemas de Informação, e ainda quatro novos cursos: Engenharia Elétrica, Gestão da Tecnologia da Informação, Comércio Exterior e Análise e Desenvolvimento de Sistemas. O edital contendo as normas, rotinas e procedimentos referentes à realização do vestibular já está disponível no site faculdade. As inscrições podem ser feitas até 26 de maio. As provas estão marcadas para 31 de maio de 2015. A Faculdade é credenciada ao Fies e Prouni.

Com dólar alto e IOF a 6,38%, gasto de brasileiros no exterior despenca

A alta do dólar freou os gastos dos brasileiros no exterior. Em março, as despesas recuaram de US$ 1,8 bilhão para US$ 1,5 bilhão - o menor patamar para o mês registrados nos últimos 5 anos. Em 2010, as despesas somaram US$ 1,12 bilhão. Os dados são do Banco Central. Além das passagens e do valor dos hotéis estarem mais caros, o brasileiro percebeu que os produtos comprados lá fora também sofreram alta. E, as compras efetuadas nos cartões de crédito e débito sofreram a incidência do IOF de 6,38%. A melhor alternativa mesmo foi segurar o consumo. 

Dólar nas alturas - Em março, o dólar registrou alta de 11,7% e terminou o mês custando R$ 3,19. No primeiro trimestre a alta foi de 20%. 

Dólar em queda - Em abril, a moeda americana vem registrando quedas significativas. Na tarde de hoje, dia 22, o dólar caiu a R$ 3,03 para a venda.

Jovens de periferia lideram pedidos de crédito em bancos


De todos os consumidores que buscaram crédito entre 6 de janeiro e 6 de fevereiro, o grupo com o maior percentual é o de Jovens Adultos da Periferia, responsável por 17,6% do total. Esse grupo corresponde a pessoas de até 35 anos que residem nos bairros periféricos e que são os principais protagonistas da ascensão da nova classe média. O levantamento inédito foi feito pela Serasa Experian.

Em segundo lugar na lista aparecem os Adultos Urbanos Estabelecidos, com 17% do total de consultas de crédito. Essas pessoas têm entre 30 e 60 anos de idade, boa escolaridade e já atingiram padrão de vida relativamente confortável.

Em terceiro lugar vem a Massa Trabalhadora Urbana, responsável por 14,6% das consultas feitas. Este é outro segmento no qual predominam os jovens adultos de até 35 anos: são pessoas solteiras, moradoras de grandes áreas urbanas e iniciando suas carreiras. 

A lista segue com os Donos de Negócio (10,2%), grupo composto predominantemente por homens, na faixa de entre 25 e 55 anos e com negócio próprio. Veja, abaixo, a lista completa.

Licitação deve contratar apenas 1 empresa para administrar lixo de Teresina

Em audiência pública nesta quarta-feira (22), a Prefeitura de Teresina apresentou o projeto básico do Sistema Integrado de Limpeza Urbana e abordou a minuta do edital de licitação para a contratação da empresa que fará o serviço de coleta, conservação e gerenciamento do aterro sanitário. 

Estudos elaborados pela própria prefeitura defendem que há uma economia de cerca de R$ 2 milhões quando se centraliza em apenas uma empresa todos os serviços relacionados à limpeza urbana, como a coleta e a conservação, por exemplo. Por isso, a meta será contratar somente uma única empresa. A contratação terá vigência por 5 anos e o investimento será de R$ 511 milhões. Por lei, somente a partir de 15 dias pós-audiência pública o processo licitatório poderá ser iniciado. 

Busca por crédito cresce para microempresas e diminui para médias e grandes

Em março, as empresas aumentaram em 6,7% a procura por crédito, segundo o Indicador Serasa Experian. Na comparação com o mesmo mês do ano passado, houve alta de 18,1%. No primeiro trimestre, o crescimento foi 9,7%. De acordo com o levantamento, esse avanço na média foi puxado pelas micro e pequenas empresas com variação de 7,4% sobre fevereiro deste ano. Já as de médio porte reduziram a busca em 4,8% e as grandes empresas diminuíram em 6,1%.

Na análise por setor, a demanda foi: 

- Serviços: alta de 8,5%
- Comércio: alta de 5,7%
- Indústria: alta de 3,7%

O Centro-Oeste foi a região com maior crescimento (12,4%), seguida do Sul, com alta de 8,6%, e do Nordeste (6,4%). Já no Norte e no Sudeste, ocorreram expansões com taxas idênticas (4,8%).

Apesar da crise, Fundo Partidário aumentará para R$ 867 milhões

Prego batido, ponta virada! Foi publicada nesta quarta-feira (22), no Diário Oficial da União, a Lei Orçamentária de 2015. Apesar das polêmicas em torno do valor destinado ao Fundo Partidário, foi mantida a emenda do Congresso Nacional que aumenta os valores de R$ 289 milhões para R$ 867,5 milhões, apesar de ser um ano declaradamente de crise financeira.

A alteração que permite que emendas individuais dos parlamentares alcancem R$ 10 milhões para cada senador ou deputado também foi mantida. Agora, o governo tem 30 dias para definir o bloqueio de verbas para o resto do ano. Até lá, vale o decreto que limita os gastos não obrigatórios entre janeiro e abril aos montantes dos mesmos meses de 2013.

 

Veja quem pode ou não ser declarado como dependente do IR

Cada dependente pode deduzir até R$ 2.156,52 do Imposto de Renda referente ao ano de 2014. Porém, existem regras para colocar alguém como dependente e, se o contribuinte declarar de forma indevida, acaba caindo na malha fina e pagando multas. Veja algumas das regras para evitar o problema:

- Filhos ou enteados dependentes: precisam ter até 21 anos ou até 24, se estiver cursando escola técnica de 2º grau ou universidade; Podem ter qualquer idade, se forem considerados incapacitados física ou mentalmente para o trabalho.

- Cônjuge ou companheiro: Os casados podem ser incluídos, assim como os companheiros com quem o contribuinte tenha um filho em comum ou com quem o contribuinte conviva há mais de 5 anos.

- Pais, avós e bisavós: Se tiverem recebido em 2014 rendimentos tributáveis ou não de até R$ 21.453,24.

- Menor: Se for pobre, tiver até 21 anos e for criado e educado pelo contribuinte que detém a guarda judicial, ou se for considerado pessoa absolutamente incapaz, estando sob a tutela do contribuinte.

- Irmãos, netos e bisnetos: se não tiverem amparo dos pais, mas o contribuinte precisa ter a guarda judicial reconhecida. Precisam ter até 21 anos, ou até 24, se estiverem cursando escola técnica de 2º grau ou universidade, ou se for considerado incapacitado para o trabalho.

- Tutelado: Se for considerado absolutamente incapaz e se estiver sob tutela do contribuinte. 

Posts anteriores