Cidadeverde.com

Secretário de Desenvolvimento é homenageado na Câmara


O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Fábio Nery, recebe homenagem na noite desta quinta-feira (11), na Câmara Municipal de Teresina, a partir das 19h. A Medalha do Mérito Legislativo será entregue ao gestor, em reconhecimento do trabalho realizado na capital.

Prefeitura garante pagamento do 13° até dia 19


A secretária municipal de Comunicação da Prefeitura de Teresina, Cláudia Brandão, informou à Coluna Economia e Negócios que o pagamento do Décimo Terceiro Salário será realizado no dia 19 de dezembro, para todas as faixas salariais. 

A medida segue a lei trabalhista que exige o pagamento até o dia 20 de dezembro, ou no último dia útil antes da data, que no caso, cai dia 19, próxima sexta-feira. A regra vale para todas as empresas particulares. Segundo a prefeitura, o pagamento do salário referente ao mês de dezembro será pago até o dia 31 deste mês.

Cosme é reeleito na CDL e propõe 3 metas para 2015


A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Teresina elegeu a diretoria para o triênio 2015/2017. A chapa eleita apresentou 30 nomes para integrar a gestão, sendo seis nomes novos. Evandro Cosme foi reeleito presidente por aclamação. De acordo com ele, uma de suas principais metas será a certificação digital aos lojistas.
 
Outras ações que serão colocadas em prática, segundo Cosme, são: a "Semana do Nome Limpo" - na qual as empresas podem recuperar os seus ativos trazendo seus consumidores para a situação de adimplentes e a 2ª edição da campanha "Liquida Teresina". 

A eleição aconteceu na sede da CDL de Teresina e também elegeu o presidente da Federação da Câmara de Dirigentes Lojistas do Piauí (FCDL-PI), atualmente dirigida pela Ulysses Moraes.  Sávio Normando comandará a FCDL no próximo triênio.


Call center oferece mais de 400 vagas para operador


A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec) receberá currículos profissionais a partir desta quarta-feira (09), para seleção em empresa de call center na capital. São cerca de 450 vagas. Através de um processo seletivo, os candidatos irão pleitear a vaga para o cargo de operador de telemarketing. O cargo de operador exige o ensino médio completo. Os interessados devem comparecer à sede da Semdec, que fica localizada na Avenida Campos Sales, 1292, Centro/Norte. 

Pagamento de dívidas cai 4,5% em novembro


O Serviço Central de Proteção ao Crédito divulgou que a quantidade de exclusões dos registros de inadimplência diminuiu 4,5% em novembro deste ano, quando comparado ao mesmo mês do ano passado. O pagamento de dívidas por parte dos brasileiros teve redução de 3,1%, no acumulado do ano, em comparação com 2013. Pela análise dos especialistas, o mau pagamento das dívidas desse ano foi resultado do desaquecimento do mercado de trabalho e do aperto na concessão de crédito. 

Varejo

Analisando apenas os dados relacionados ao varejo, houve queda de 2,3% no pagamento das dívidas em novembro ante outubro. Com exceção da região Centro-Oeste, que obteve alta de 1,5%, todas as regiões tiveram retração: -5,7% no Nordeste; -4,3% no Norte; -3,6% no Sul e -1,2% no Sudeste.

Salário mínimo ganha novo ajuste e vai para R$ 790 em 2015


O relator do Orçamento de 2015, senador Romero Jucá (PMDB-RR), anunciou que o valor do salário mínimo previsto para vigorar no ano que vem será arredondado para R$ 790. Até então, o valor estabelecido na proposta orçamentária era de R$ 788,06. O incremento, segundo o governo, terá impacto de R$ 1,2 bilhão nos cofres públicos. 

O senador justificou a mudança: "É para facilitar a vida dos trabalhadores, das empresas e para garantir um ganho real no reajuste". Entretanto, o valor exato do mínimo do ano que vem só será confirmado com decreto da presidente Dilma Rousseff, no final deste mês. "Se houver alguma mudança na questão da inflação ou do crescimento, o salário (mínimo) poderá ser ajustado até o fim da votação (do Orçamento)", concluiu. Atualmente, o salário mínimo é de R$ 724,00.

Vendas de final de ano devem chegar a R$ 32 bi; Veja dicas para atrair clientes


As vendas de fim de ano para 2014 devem arrecadar quase R$ 32 bilhões em todo o país. A estimativa é da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Com a expectativa positiva, os empresários já estão às voltas para causar uma boa impressão e atrair clientes. O site Conta Azul elencou algumas dicas de como garantir boas vendas:

- Capriche na vitrine: a decoração deve combinar com o estilo da loja e mostrar as formas de pagamento. Os produtos devem ser renovados sempre que possível;

- Vendedor entusiasmado: ele deve conhecer bem os produtos e serviços, ouvir a necessidade do cliente e usar estratégias de marketing, além de sorrir sempre;

- Estoque reforçado: faça uma previsão do estoque de acordo com as tendências do mercado e mantenha a variedade de produtos em dia;

- Mantenha o pós-venda: antecipe-se às possíveis reclamações, agradeça a preferência, envie novidades sempre que possível e mantenha o site da empresa atualizado.

Falta estrutura para escoar a produção no Piauí


A falta de estrutura para escoar a produção há muito se configura um obstáculo difícil de ser vencido pelos produtores piauienses. No Estado, a principal forma de exportação é por via terrestre - uma maneira que leva ao desperdício da safra, principalmente quando se trata de grãos. A alternativa para driblar o problema - a conclusão do Porto de Luís Correia, da Transnordestina e da ZPE - já foi discutida e até incluída no Plano de Desenvolvimento Econômico "Piauí 2050", mas ainda parece um sonho distante de ser realizado.

"Eu não entendo como um Estado como o Piauí ainda tem na via rodoviária a principal forma de escoamento de produção. Esse é o transporte mais caro e que mais compromete a safra. É preciso investir em outras formas e estamos trabalhando para isso, mas são obras a longo prazo. A navegabilidade do rio Parnaíba, por exemplo, é uma das alternativas", declarou a superintendente do Desenvolvimento Econômico do Piauí, Ivani Gonçalves.

Vai fazer ceia? 10 dicas de como economizar no supermercado


Quem prefere passar o Natal e o Ano Novo em casa com a família raramente consegue fugir dos gastos com as ceias - e aí boa parte do Décimo Terceiro Salário fica nos supermercados. Aproveitando o momento, o Cidadeverde.com apurou 6 dicas de como economizar nas compras do mês. 

1) Priorize supermercados que oferecem promoções em alimentos e/ou produtos de limpeza - geralmente são os itens que mais oneram a conta;

2) Vá ao supermercado toda a semana ou quinzenalmente. Evite compras mensais, pois geram mais desperdícios;

3) Sempre compare preços e promoções. Não compre algo que normalmente não compraria só porque está em promoção;

4) Verifique a data de vencimento dos produtos postos em promoção - muitas vezes não vale a pena comprar em grande quantidade;

5) Nunca leve crianças ao supermercado - os riscos de se gastar mais do que o necessário aumentam

6) Faça uma lista e siga estritamente essa lista - com exceção de produtos que estão realmente em falta e foram esquecidos na hora de escrever a lista;

7) Coma antes de fazer compras - quando se vai ao supermercado com fome, os alimentos ficam mais atrativos e acabam parando no carrinho;

8) Os produtos na altura dos olhos são geralmente os mais caros. Repare nas demais prateleiras; 

9) Mantenha uma planilha para anotar quanto você gastou cada semana e sempre confira os valores para confirmar se nada foi debitado indevidamente;

10) Defina um valor máximo a ser gasto sempre que for ao supermercado

Aumento no preço do combustível deixa frutas mais caras na Ceapi


Dezembro é o mês das festas e, com isso, a demanda por frutas como a uva, a romã e o morango aumenta drasticamente, provocando a alta nos preços e até o desabastecimento do mercado. Na Ceapi (Central de Abastecimento do Piauí), os valores já estão bastante elevados.

Segundo o auxiliar técnico da Casa, João Cícero Lima, explicou que os maiores reajustes são registrados nos alimentos importados, como maçã, pera, uva, kiwi, morango, abacate e romã. "Isso se deve ao aumento do preço dos combustíveis, principalmente. O abacate, por exemplo, teve aumento de 40%", avalia. 

O preço da caixa do morango, com 12 unidades, custava em média R$ 12 ao consumidor final. Agora o preço chega a R$ 18 - um aumento de 50%. O quilo da uva com caroço registra média atual de R$ 7. Já o quilo da uva sem caroço, que é mais procurada, já chega a R$ 17.

A safra de frutas para dezembro é: Abacaxi, abacaxi pérola, abacaxi havaí, ameixa nacional, amêndoa, avelã, banana prata, castanha, coco verde, figo, framboesa, graviola, laranja pêra, lichia, limão, limão tahiti, maçã nacional,maga, maracujpa, melancia, melão amarelo, nozes, nectarina nacional, pêssego nacional, romã, uva itália, uva niágara e uva rubi.

Posts anteriores