Cidadeverde.com

Conheça a piauiense Amélia. Depois dela, a ABL nunca mais foi a mesma

Já está disponível o terceiro episódio do Persona, o podcast da Cidade Verde que resgata grandes nomes da nossa história. E a personalidade deste novo episódio é a Amélia de Freitas Beviláqua, piauiense de Jerumenha que foi a primeira mulher a pleitear uma vaga na Academia Brasileira de Letras. Ao tentar registrar sua candidatura, a ABL bateu a porta na cara de Amélia: disse que a Academia era lugar para brasileiros, assim identificando os do sexo masculino.

Foi um alvoroço. E a recusa ao nome de Amélia, no ano de 1930, provocou um enorme debate sobre a participação da mulher nas mais diversas esferas da sociedade. O debate que surgiu com a “quase-candidatura” de Amélia Beviláqua mudou a Academia. E foi fundamental para que, décadas depois, a ABL escancarasse as portas para as mulheres.

Saiba mais de Amélia, sua excelente literatura e sua luta em uma conversa com a professora Laís Romero. Acesse abaixo.
#03 Persona - Amélia Beviláqua

VEJA TODOS OS PERSONAS:
#1 - David Caldas: o Piauiense que desafiou o Impédio e a Igreja
#2 - Francisco Figueiredo: ele rompeu as regras da elite e deu outra cara à política
#3 - Amélia Beviláqua: Depois dela, a ABL nunca mais foi a mesma