Cidadeverde.com

Cheio de dúvidas, Firmino ainda matuta entre 4 nomes

O prefeito Firmino Filho terá uma tarefa especial durante o carnaval: fazer avaliações finais que podem ajudar na definição do candidato que o grupo hoje à frente da prefeitura vai apresentar nas eleições deste ano. O prefeito vai ter em mãos uma nova leva de dados, indicadores definidos em pesquisas qualitativas. Mas a reflexão final deve se fixar mesmo em quatro nomes: Sílvio Mendes, Charles Silveira, Kleber Montezuma e Luciano Nunes.

O nome preferido de Firmino, assim como o de Ciro Nogueira, era o do ex-secretário Washington Bonfim. Mas o próprio Washington se encarregou de se afastar da lista, ao ir para São Paulo e esquecer as discussões do grupo. Na passagem do ano, estimulado pelo próprio prefeito, o ex-secretário ainda tentou voltar à corrida pela indicação. Mas já era tarde: perdeu o quase completo apoio do grupo e a preferência de Firmino e Ciro  não bastavam.

Outro nome que parece fora da lista é o do secretário de Governo, Fernando Said, com restrições de Sílvio Mendes – que já havia vetado o próprio Washington. Já Marco Antônio Ayres parece ter sido colocado na lista como um mero afago a Sílvio, a quem é estreitamente ligado. Assim posto, as reflexões de Firmino se centram nos quatro nomes.

Será um longo carnaval para o prefeito, que vê seu tempo de reflexão se esgotando.
 

Veja os prós e contras de cada nome

Sílvio Mendes: Tem imagem de bom gestor e conta com uma enorme torcida dentro do grupo e até mesmo fora dos aliados do palácio da Cidade. Mas tem dois senões. O primeiro, a ideia de que é repeteco atrás de repeteco: Firmino (96, 2000), Sílvio (2004 e 2008), Firmino (2012 e 2016) e outra vez Sílvio. Mas o que parece pesar contra, mesmo, é a relação entre prefeito e ex-prefeito, que não é de encher os olhos, muito menos o coração.
Charles Silveira: depois de Sílvio é quem mais tem torcida, no secretariado e entre vereadores. É visto como bom gestor e com capacidade de articulação capaz de somar em um crucial 2º turno. Na lista dos pontos negativos tem o sobrenome Silveira (esse é, para Firmino, o principal problema) e um temperamento nem sempre domável.
Kleber Montezuma: O principal ponto a favor é a imagem de bom gestor e o fato de estar associado à educação, destaque no discurso da atual gestão. Contra, pesa a imagem pessoal dura, de pouco trato (sobretudo com vereadores) e a inexistência de torcida: não há um time do Kleber brigando por ele.
Luciano Nunes: Corre por fora como uma alternativa para um impasse sem fim. É visto como uma espécie de média dos critérios avaliados: não é o melhor nem o pior em nenhum dos parâmetros. Se aparecer no anúncio de Firmino, será o azarão da corrida pela indicação.