Cidadeverde.com

Não há solução para o Brasil fora da Democracia, diz Osmar Jr


Osmar Jr, do PCdoB: preocupado com os extremismos que no Brasil buscam soluções fora da Democracia

 

O clima extremado na política brasileira está preocupando o presidente estadual do PCdoB, ex-deputado Osmar Júnior. Ele alerta para o surgimento de nomes que se colocam como alternativa política a partir da defesa da força e de procedimento antidemocráticos. “A solução para o Brasil não pode estar fora do marco da Democracia”, diz Osmar.

Em entrevista ao Acorda Piauí, hoje cedo na Rádio Cidade Verde, Osmar Jr advertiu que esse tipo de saída tem exemplos bem conhecidos no cenário internacional, apontando Hitler como o principal. Lembra que Hitler chegou ao poder na Alemanha com uma pauta de uso da “violência contra a violência” e, de certa forma, contra a política. O mesmo ocorreu recentemente com Donald Trump, na eleição dos Estados Unidos.

Sem citar nomes na realidade brasileira de hoje, o presidente do PCdoB deixou claro que se referia ao crescimento de alternativas como Jair Bolsonaro (PEN), que já aparece como segundo colocado nas pesquisas que sondam as intenções de voto para a Presidência da República. A manifestação de Osmar Jr na Cidade Verde gerou reação de ouvintes que se diziam seguidores de Bolsonaro, questionando inclusive o compromisso do comunismo com a Democracia.

Osmar reconheceu que a dificuldade de relação do comunismo com a Democracia foi um dos pontos que impediu a expansão desses regimes. Também disse que o PCdoB já fez esse tipo de revisão, defendendo a Democracia. Criticou o modelo capitalista, que se preocupa em concentrar riquezas sem uma visão social distributiva.

Sobre o momento político brasileiro, avaliou que está terminando um ciclo iniciado com o fim da ditadura. Esse período de três décadas foi marcado pelo financiamento da política a partir das empresas, modelo que vê como esgotado e questionado em todo o mundo. Nesse sentido, defende o financiamento público como caminho necessário. Diz ainda que o combate ao caixa 2 e outros desvios da política deve ter a participação decisiva da cidadania.

 

Osmar Jr candidato a deputado federal

Na entrevista ao Acorda Piauí, Osmar Jr falou das diretrizes do PCdoB para 2018. O partido realizou a Conferência Estadual no sábado e uma das decisões mais importantes foi a de resgatar a aliança com o PT, sigla com a qual mantém atuação conjunta no Piauí desde 1982. Essa aliança, que inclui o PMDB, deve ser resgatada em 2018 – avalia o presidente do PCdoB.

O partido também decidiu as estratégias para as eleições proporcionais do próximo ano. A idéia é que o PCdoB apresente candidaturas à Câmara Federal e à Assembleia Legisdlativa. O nome de Osmar Jr já foi lançado a uma vaga na Câmara, onde já esteve por duas legislaturas.

Para ouvir a íntegra da entrevista do presidente do PCdoB, ex-deputado Osmar Jr, acesse o arquivo abaixo.