Cidadeverde.com

Oposição coloca ‘bloco na rua’ depois do carnaval


Deputado Luciano Nunes: andança pelo interior para discutir diretrizes políticas e administrativas para o Estado

 

O bloco de oposição ao governo do Estado deve iniciar logo depois do carnaval uma série de encontros regionais visando discutir diretrizes políticas e ações administrativas para o Piauí. O primeiro encontro vai acontecer na região Norte do Estado – em Piripiri ou Parnaíba. As duas cidades são governadas por prefeitos oposicionistas: Luiz Menezes e Mão Santa, respectivamente.

Os encontros regionais seguem uma estratégia já colocada em prática pelo PSB, na pré-campanha de Wilson Martins, nos anos de 2009 e 2010. No ano passado, Wilson iniciou esse mesmo tipo de reunião. Mas os encontros de Piripiri e Parnaíba ganham um alcance mais amplo, já que deixará de ter um caráter de partido único e passará a incluir as diversas siglas de oposição.

Os encontros devem ter como uma das referências o deputado Luciano Nunes (PSDB), que teve seu nome colocado como pré-candidato desde a semana passada. Nesses últimos dez dias, o deputado já manteve contato com diversas forças de oposição, entre elas o próprio Wilson, os deputados Robert Rios e Dr. Pessoa e o ex-senador João Vicente Claudino, além do senador Elmano Ferrer, que está em um partido (o MDB) aliado do governo.

A intenção é que os encontros sirvam de espaço para todos esses pré-candidatos estabelecem um diálogo com a militância, criando um cenário mais positivo para a oposição. Os encontros permitirão também a definição de uma estratégia ainda não muito clara para os oposicionistas: se o grupo terá um ou mais candidatos.

 

Oposição pode ter pelo 2 candidatos

A discussão está só começando, mas o encaminhamento parece levar a oposição a ter mais de um candidato. O mais provável é que sejam dois. Mas também podem ser três, conforme admitiu ontem o ex-governador Wilson Martins.

A estratégia se assemelha à do bloco governista, em 1998, quando Mão Santa pleiteou a reeleição contra um Hugo Napoleão que liderava as pesquisas. O bloco em desvantagem apresentou um segundo nome, o do tucano Chico Gerardo. O resultado foi que Hugo venceu no primeiro turno, mas perdeu no segundo, quando o bloco que se dividiu na primeira etapa da eleição se uniu na fase final.

A possibilidade com mais de um candidato terá Luciano Nunes como um dos postulantes. Pode ter ainda João Vicente ou Dr. Pessoa como uma segunda candidatura.