Cidadeverde.com

PP quer eleger pelo menos 6 vereadores em Teresina


José Maia Filho, o Mainha: projeto de fortalecimento do PP em Teresina e de candidatura à prefeitura  (FOTO: Câmara/Divulgação)

 

O Progressista não esconde suas altas pretensões futuras, tanto para as eleições de 2020 quanto para as de 2022 no Piauí. No plano estadual, o partido já deu a pista: quer disputar o governo do Estado na sucessão de Wellington Dias e tem o que chamam de “nome natural” para a empreitada: o senador Ciro Nogueira.

No plano municipal, o PP lança um olhar especial para Teresina, onde o partido quer disputar a prefeitura da capital e eleger pelo menos um quinto da Câmara Municipal. O presidente do partido na capital, José Maia Filho, o Mainha, diz que a estratégia está sendo montada, e passa necessariamente pela formação de uma grande chapa para disputar as cadeiras no Legislativo teresinense.

Em 2016, o Progressista elegeu dois vereadores – Aluísio Sampaio e Venâncio Rodrigues. Atualmente são quatro os representantes do PP na Casa, já que os suplentes R. Sá e Inácio Carvalho estão no exercício temporário do mandato. Mainha acha que em 2020 o PP pode ir bem mais longe, com a eleição de pelo menos 6 vereadores, podendo chegar a 7.

O planejamento voltado para as próximas eleições já está em curso, com a aproximação de lideranças referenciais nas diversas regiões e bairros da cidade. O PP quer essas lideranças filiadas à siglas e disputando mandato. Esse cuidado está diretamente relacionado às mudanças das regras: a partir da próxima eleição não haverá mais aliança proporcional. Isso obriga os partidos a formarem chapas fortes, capazes de somar voto suficiente para eleger um bom número de legisladores.

Mainha acha que o PP tem um trunfo. “As lideranças reconhecem a visão moderna do Progressista e uma atuação forte e de extrema importância tanto para Teresina como para o Piauí. Isso ajuda na relação com essas lideranças e com o eleitor”, diz.
 

Mainha tenta entrar na disputa pela Prefeitura

A atuação de Mainha com vistas às eleições de 2020 tem uma tarefa imediata, que é o fortalecimento do PP para eleger a maior bancada possível na Câmara Municipal. Mas o presidente do partido em Teresina se movimenta para viabilizar um outro projeto, que abraça de forma mais discreta: ser candidato a prefeito de Teresina.

O Progressista já tornou público o desejo de disputar a sucessão de Firmino Filho. E tem diversos nomes postos, como o do deputado estadual Júlio Arcoverde da deputada federal Margarete Coelho, além do próprio Mainha. Para entrar de verdade na lista de alternativas, qualquer um terá que criar as condições políticas e populares.

Mainha quer aproveitar os próximos meses para tentar viabilizar esse projeto.