Cidadeverde.com

Furpa quer integrar estados na defesa do rio Parnaíba

Foto Divulgação / Fundação Rio Parnaíba

A vice-reitora Darlene Teixeira, concedendo audiência a Victor Aguiar: projetos para fortalecimento da Bacia do Parnaíba


O novo presidente da Fundação rio Parnaíba (FURPA), Victor Aguiar, está buscando integrar ações na defesa da Bacia do Parnaíba. Para tanto, Aguiar vem estabelecendo conversações com diversos segmentos institucionais no Piauí e também abrindo diálogo com outros estados. Depois de reuniões no Piauí, o presidente da Furpa esteve no Tocantins. Um dos principais canais de discussão foi a Unitins, a Univerdiade Federal do Tocantins.

“O Parnaíba é um Rio marcadamente piauiense, mas não se pode fazer um trabalho adequado de defesa da bacia do Parnaíba sem o diálogo com os demais estados que formam esse grande e importante sistema”, diz Victor Aguiar. Ele cita especificamente o Tocantins: “É um estado que é parte do nascedouro de três grandes rios nacionais”, ressalta, em referência ao Parnaíba, Tocantins e São Francisco. “Se não olharmos para nossas nascentes, estaremos dando um mau passo”, disse.

O presidente da Furpa esteve em Palmas. Lá ele cumpriu agenda na Secretária de Educação, Coordenação de Agricultura Familiar, Secretário do Trabalho, no Instituto Natureza do Tocantins, SEBRAE, no TCE e na Unitins. Na Universidade, Victor se reuniu com a Vice-reitora Darlene Teixeira Castro. Segundo ele, o encontro tem um valor especial porque a Unitins reúne dados importantes sobre a área do Jalapão, onde estão as nascentes do Parnaíba.

De acordo com Victor Aguiar, é necessário um amplo debate que gere ações objetivas no sentido de preservar o rio. “O Parnaíba enfrenta problemas sérios que cobram medidas para já”, destaca. Ele diz ainda que pretende ampliar a discussão e buscar suporte do governo federal para empreender essas ações, incluindo projetos de desenvolvimento econômico e social.
 

Projetos de piscicultura

No Piauí, Victor Aguiar vem cumprindo uma agenda igualmente extensa, sempre discutindo as possibilidades de ação para proteger a Bacia do Parnaíba. Ele esteve com o prefeito Firmino Filho, em Teresina, assim como o prefeito Dó Bacelar, de Porto. No campo legislativo, esteve em reunião com o senador Elmano Ferrer e o deputado estadual Henrique Pires.

A intenção é buscar preservar o Rio, ao mesmo tempo que encontrar caminhos para o fortalecimento econômico ligado à bacia do Parnaíba. Com Dó Bacelar, por exemplo, discutiu projetos econômicos, como na área de piscicultura.