Cidadeverde.com

Conheça o Piauí com os guias que sabem de tudo

 

Hoje o blog lança mais uma sequência especial de postagens. Conversamos com aqueles que mais conhecem cada cantinho do Piauí. Os guias de turismo, ou condutores de visitantes se preferir, estão espalhados por diversas cidades e atrativos do estado. Desde o litoral até o extremo sul, andar acompanhado por um deles é algo que melhora a viagem.

E para começar, nada melhor do que um destino bem perto de Teresina. Piripiri fica a 170km da capital e possui diversas atividades. Quem apresenta a cidade é Edylson Rodrigues. Natural de Batalha, ele entrou para o ramo do turismo em Fortaleza trabalhando em hotelaria. Há cerca de 11 anos voltou para a sua região e logo participou de um treinamento do Sebrae e do Instituto Chico Mendes (ICMBio) para se tornar um condutor. Depois de conhecer melhor grande parte dos segredos do Parque Nacional de Sete Cidades e ter dicas de atendimento, segurança e outros conhecimentos fundamentais para a área, se uniu a seus companheiros de turma e entrou para a Ecoturismo Meio Norte. Esta é uma associação que reúne dezenas de guias de Piripiri.

Depois de 10 anos levando vários turistas pelo parque e pela cidade, Edylson está desde o ano passado na recepção do atrativo nacional. Então, certamente você vai passar ou receberá a indicação de um outro guia através dele. É recomendável, inclusive, que faça um agendamento. Ligando para (86)33431342, pode-se falar direto com a recepção e agendar sua condução. A diária para o condutor para até 5 pessoas varia entre R$80 e R$100.

 

 

Roteiro do Especialista

Todos os roteiros dessa sequência de postagens começarão a partir de meio-dia da sexta e irão até meio-dia do domingo, o que seria equivalente a 2 diárias na cidade.

 

Sexta-Feira

 

Em Piripiri, Edylson recomenda utilizar esse dia para a área urbana e proximidades. Logo que chegar para o almoço, pode-se seguir direto para o Açude Caldeirão para comer em um dos restaurantes bem estruturados com uma bela vista. Depois do almoço e de deixar as malas no hotel, o ideal é conhecer o Centro Histórico que está bem preservado, com alguns prédios antigos e lindas praças. Recentemente foi entregue a restauração do Museu de Perypery e a Igreja tem belos vitrais. No fim da tarde, a pouco mais de 7km do centro está a Cachoeira do Bota-Fora, que, segundo nosso guia, tem água o ano todo!! Para finalizar o roteiro de sexta, procure um dos bons restaurantes que tem por Piripiri para jantar.

 

Sábado

 

Dia dedicado ao melhor atrativo da região que é o Parque Nacional de Sete Cidades. Para grupos apenas com adultos, tendo preparo, dá para andar o dia todo. Para grupos com crianças, recomenda-se chegar cedo para aproveitar o período da manhã pelas cidades de pedra e a tarde passar em uma das 2 piscinas que tem na área.

Os roteiros podem ser feitos a pé, de bicicleta ou então de carro com pequenas caminhadas. Durante o percurso serão vistas diversas formações rochosas esculpidas pelo vento por milhões de anos. Essas lembram diversas figuras de animais, pessoas ou outros itens, como uma tartaruga, o mapa do Brasil, cachorro, elefante, Dom Pedro e muito mais. Além das rochas, existem as marcas humanas com diversas pinturas rupestres e lendas.

 

Domingo

 

O último dia, segundo o guia Edylson, pode ser utilizado para ir a Piracuruca ou curtir a zona rural de Piripiri. A primeira fica a apenas 45km e possui um Centro Histórico raro no interior de Piauí, Maranhão e Ceará. O principal destaque é a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Carmo que foi construída no século XVIII no estilo barroco, sendo muito parecida com igrejas do interior de Minas Gerais.

Para quem preferir se refrescar, existem 2 opções. Ou aproveitar a Prainha, também em Piracuruca, ou seguir para uma das chácaras abertas ao público em Piripiri. O guia indicou o Oca Tacarijus Eco Resort como um dos locais para aproveitar a manhã de domingo antes de pegar a estrada de volta para casa.