Cidadeverde.com

Aeroporto de Jeri inaugurado com mais vôos que Parnaíba

Imagem aérea aeroporto a 48 km da Praia de Jericoacoara. Foto: Divulgação Governo do Ceará

Anunciando há algum tempo o Aeroporto de Jericoacoara foi inaugurado no último sábado (24). A estrutura já possuirá mais vôos nacionais do que o Aeroporto de Parnaíba, o que aponta o risco de a cidade piauiense perder sua característica de portal de entrada da Rota das Emoções. Apesar de, na prática, o município nunca ter se configurado em tal, já que a maioria dos visitantes da rota vêm das capitais por via terrestre, não deixa de ser  uma ameaça ao potencial turístico do litoral piauiense.

O vôo inaugural foi realizado pela companhia aérea Gol que fará apenas linhas fretadas por agências de turismo. Os cearenses transformaram a inauguração em um evento de grande porte. Estiveram presentes o governador Camilo Santana, o presidente da Gol, Paulo Kakinoff, o  Ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella, e líderes empresariais do estado vizinho. O cantor cearense Waldonys recebeu os turistas no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, com o seu forró.

Governador do Ceará e o cantor cearense Waldonys no vôo inaugural. Foto: Divulgação Governo do Ceará

A partir de julho, a Azul deve oferecer vôos às segundas, quartas, sextas, sábados e domingos. As características da linha são parecidas com as feitas ao Aeroporto de Parnaíba. A origem é de Recife e a aeronave é menor do que as tradicionais. No entanto, as frequências são maiores, já que Parnaíba recebe aviões apenas no final de semana.

 

 

Conheça os 5 melhores parques temáticos infantis do Brasil

  • t-rex-park.jpg
  • parque_monica.jpg
  • kidzaniaa.jpg
  • florybal.jpg
  • beto-carrero.jpg

Para aproveitar as férias de julho com as crianças, nada melhor que curtir um passeio em parques temáticos. Em tempo de dólar alto, se você não pode visitar a terra do Mickey, saiba que existem excelentes opções no Brasil.

Além de serem opções mais econômicas, elas exigem menos planejamento! Com ajuda do pessoal do Hotel Urbano, listamos cinco opções de parques para diferentes perfis de viajantes.

T-Rex Park

A novidade para quem gosta de viajar com as crianças e curtir parques temáticos está localizada em Campinas. A estrutura com cerca de 7 mil metros tem atrações e ambientação baseada no período jurássico. No espaço, o visitante pode ficar de frente ao imenso Tiranossauro Rex, mas também há outras espécies espalhadas no parque, com sons e movimentos característicos dos animais. O T-Rex Park traz também shows e personagens exclusivos, além de área de alimentação. Com abertura programada para 30 de junho, o destino é a escolha certa para as férias com as crianças.

Parque da Mônica

É é o maior parque coberto da América Latina, localizado no Shopping SP Market, na zona sul de São Paulo. O espaço temático tem decoração e atrações baseadas nos personagens dos quadrinhos. Além de aproveitar brinquedos clássicos de parques, como a roda gigante, os pequenos podem se divertir em ambientes como a Casa da Mônica, Cozinha da Magali e Quarto do Cebolinha.

Kidzania

A proposta do espaço é proporcionar uma experiência de imersão educacional ao mundo das profissões. Situado no shopping Eldorado, em São Paulo, o parque é ideal para crianças de 4 a 14 anos em busca de altas aventuras. Voltado para o tema da diversidade profissional, no Kidzania os visitantes podem aprender a dirigir e até mesmo tirar uma carteira de motorista na auto escola.

Outra atividade que faz sucesso é a brigada de bombeiros, cujo objetivo é apagar um incêndio. Também é possível brincar nos outros estabelecimentos, como banco, barbearia, estúdio de música, fábrica de chocolate, posto de combustível e hospital.

Parque Terra Mágica Florybal

Localizado na Serra Gaúcha, o passeio pode ser feito tanto pelos turistas que estão hospedados em Gramado ou Canela. A temática é voltada para a natureza em geral, além de diversas espécies de animais e dinossauros. Lá, há diversas réplicas em tamanho natural que imitam os sons das criaturas, assim como brinquedos emocionantes. Uma atração imperdível é o Voo do Pterodáctilo, um teleférico que permite ao visitante “voar” nas asas do réptil.

Beto Carrero World

O maior parque temático da América Latina é ideal para crianças de todas as idades. Além de atrações radicais, como a montanha-russa invertida FireWhip, o complexo tem áreas destinadas aos pequenos e promove muitos shows durante o dia. Há inclusive um zoológico dentro do Beto Carrero World, com diferentes espécies de animais. Uma atividade recomendada para toda a família é o passeio na Ferrovia DinoMagic, que percorre um imenso trajeto em meio à natureza.

Nos dias de calor, a dica é se refrescar no Tchibum, uma pequena montanha-russa de água que garante um banho de adrenalina. Outra opção é o Crazy River, um bote que comporta 5 pessoas e percorre um rio cheio de protagonistas do filme Madagascar. Aliás, vários personagens da DreamWorks podem ser encontrados o parque, como a turma de Shrek e Divertida Mente. Por todos esses motivos, muitas pessoas optam por viajar com as crianças até Penha, em Santa Catarina, para conhecer o mundo mágico de Beto Carrero World!

 

 

Fonte: Catraca Livre

Brasileiro deseja viajar mais de carro

Estrada na Serra Gaúcha. Foto: Guia da Semana

Já é de conhecimento geral que o brasileiro é apaixonado por automóveis, porém, segundo uma pesquisa recente do Ministério do Turismo, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, revela que também há o crescimento no interesse de viajar de carro. Em relação as viagens nos próximos meses, mais de 28% dos entrevistados afirmaram que pretendem usar o carro — um crescimento de 47% em relação ao ano passado.

Apesar do crescimento, a pesquisa ainda indica que a maioria dos turistas (58,9%) ainda devem usar o avião para o deslocamento. Já o ônibus, com um percentual de 11,8%, foi o único meio de transporte que sofreu uma queda nas preferências, visto que em 2016 correspondia a 17,2%.

O levantamento também aponta que 21,5% dos entrevistados têm interesse em viajar nos próximos meses, o que representa um crescimento de 15% em relação ao mesmo período do ano passado. Além disso, desse total, 76,6% dos entrevistados deverão optar por destinos turísticos nacionais. As regiões mais procuradas pelos viajantes serão: Nordeste (50,8%); Sudeste (21,8%); Sul (17,9%); Centro-Oeste (7,4%) e Norte (2,1%).
A pesquisa, realizada em maio, ouviu mais de duas mil famílias em sete capitais brasileiras: Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo.

 

Fonte: Panrotas

Pedro II além do Festival de Inverno

Vista do Mirante do Condomínio Serra dos Matões. Foto: Facebook Chalé Serra dos Matões

Bem-vindo ao blog Idas e Vindas. Aqui será um espaço para falar de viagens. Não só para quem quer sair para conhecer o mundo, mas também para quem quer apresentar o nosso Piauí e conhecer ele melhor.

Para esse texto de estreia, resolvi elaborar algumas dicas sobre uma cidade piauiense que acaba de realizar um dos maiores eventos do estado. O Festival de Inverno de Pedro II terminou no domingo e novamente atraiu milhares de turistas. Quem vai ao evento sabe que o município possui diversos atrativos, mas porque não ir em outras épocas? Reuni aqui vários atrativos e passeios para você se lembrar de Pedro II o ano inteiro.

1. Centro Histórico

Pedro II possui um dos sítios históricos mais bem preservados do Piauí. O casario está bem preservado e relembra o apogeu do município no começo do século XX. Além disso, o Memorial Tertuliano Brandão acabou de ser remodelado e além do seu acervo abriga agora uma Escola de Jazz. A praça que fica em frente ao prédio é um convite para o descanso e as lojinhas chamam para comprar artesanato e joias com opala.

2.  Opala e Sítios Arqueológicos

Além de comprar as joias, é possível conhecer algumas minas de exploração da pedra. Existem passeios que levam até locais de exploração. A Associação de Condutores de Turistas e Visitantes (ACONTUR) tem roteiros que contemplam a visita. Eles também levam para os sítios arqueológicos, existem 4 em Pedro II. Esses passeios são feitos apenas com guia. Os telefones da Acontur são (86) 994180785 e (86) 99992279 

3. Turismo rural e ecoturismo

Cachoeira do Urubu-Rei, única perene do Piauí. Foto: Associação dos Condutores de Turistas e Visitantes de Pedro II

Também há uma grande oferta de turismo rural, que é muito bom para as crianças. Além de poder visitar o Museu da Roça com seu acervo e gastronomia tradicional (somente finais de semana e feriados) o turista pode se hospedar em sítios e fazer atividades do cotidiano rural.

O ecoturismo também é forte. O trekking na Serra dos Matões, o Pedal Verde, os mirantes do Gritador, Arara e Mangabeira são algumas opções e também existem cachoeiras. Estas têm queda apenas entre janeiro e maio. As principais são a do Salto Liso e a do Urubu-rei, a mais alta do Piauí e única perene.

4. Estrutura turística

Local para café da manhã de uma das pousadas da cidade. Fonte: Booking

Certamente uma das marcas de Pedro II é ter algumas estruturas que poucas cidades do estado têm. A primeira são opções de alojamento adequadas. A cidade possui alguns hotéis de boa qualidade, que podem ser reservados inclusive pelo Booking. Outra possibilidade é o Chalé Serra dos Matões. Em ambos o valor aproximado das diárias é 120 reais para 2 pessoas.

As opções de alimentação também são diferenciadas. Pedro II é referência em culinária, tendo entre seus filhos vários que se destacam em grandes cidades e voltam para trabalhar na área. O Mercado Municipal também é bem limpo e agradável. Importante relembrar a Acontur que oferece os serviços que o turista precisa para uma boa experiência.

Por fim, os elementos geográficos também são diferenciados. O clima é mais ameno, principalmente nos meses de junho e julho. A proximidade de Teresina (206 km)  e do Parque Nacional de Sete Cidades (71 km).

 

 

Posts anteriores