Cidadeverde.com

Campo Aberto / Arrow in the Heart

CAMPO TEM ESTREIAS ESTA SEMANA*

 

O novo espaço, situado no bairro São João, traz performance e intervenção urbana com participações locais e internacionais.

CAMPO, espaço que se propõe como incubadora-disparadora de ações em gestão e criação artística contemporânea, vem realizando desde 25 de janeiro um intenso intercâmbio envolvendo artistas e produtores-gestores culturais do Piauí, Bahia, Rio de Janeiro, Uruguai e Holanda. Esta semana são duas ações simultâneas que se abrem para a cidade: os projetos “Campo Aberto” e “POROS”. 

Campo Aberto / Arrow in the Heart
De 03 a 05 de março, estreará a instalação performática Arrow in the Heart, como compartilhamento público das residências de gestão e de criação do Projeto Campo Aberto, uma parceria entre Demolition Incorporada (Brasil) e Wild Vlees (Holanda), com suporte do Performing Arts Fund NL e Ministério das Relações Exteriores da Holanda. 


A obra parte de questões como “invisibilidade” e “coisificação” para discutir um sentido de humanidade pleno, palpável e abrangente, que possa ser aplicado no mundo em que vivemos, aqui e agora. Em ação, oito intérpretes vindos de lugares e experiências bastante distintas: corpos que se tornam objetos, disponíveis e em display, (in)animados pelo desejo de se tornarem humanos, na artificialidade de um campo de batalha cravado de disparos.

“O que é ser humano? Nós somos humanos? O que nos faz humanos? Nós não somos tão especiais quanto pensamos. Nesta residência nós procuramos virar objetos. Para ver como é ser um, e sentir o quão diferente é ser humano. E o quão diferente “ser humano” é de ser um objeto. O que é ser humano quando nós somos mais vistos e tratados como objetos? Objetos de uma economia de Mercado, objetos de desejo…” (Tamar Blom, coreógrafo)

serviço
ARROW IN THE HEART ? instalação performática
dias 03, 04 e 05 de março (quin a sáb)
às 20h, no CAMPO | Teresina-Brasil
++
bate-papo com público após a apresentação do dia 04
inteira R$ 10 | meia R$ 5 / classificação indicativa: 12 anos
bilheteria, prévia do bar da vampa e trailer bucho cheio abertos a partir das 18h dos dias de apresentação, sujeito à lotação. 
CAMPO gestão e criação em arte contemporânea: Rua Padre José Rego, 2660, no bairro São João, esquina com a avenida Belisário Cunha.
 

foto: Mauricio Pokemon

POROS
Aberturas na pele do Campo.
Ao artista piauiense Maurício Pokemon foi dada uma fachada em branco e o desafio de pensar junto com o Campo uma intervenção urbana sobre como o lugar entende e pretende sua relação com o entorno: moradores e artistas do São João, de diferentes bairros de Teresina, assim como de outros lugares do Brasil e do mundo. 

“A proposta me levou a caminhar pelo bairro, fotografar moradores e trabalhadores, e sentir a vida que há ali. Venho desenvolvendo meu trabalho sobre comunidades e tentando aplicar a técnica da colagem nas fotos criadas a partir de vivências como essa. O projeto Poros me levou a pensar na fotografia como uma ferramenta de aproximação entre comunidades, a pensar com quem a arte ali desenvolvida pode e quer dialogar, lidando diretamente com moradores e artistas, quebrando as fronteiras implantadas em nosso imaginário sobre o lugar de cada um desses, e, envolvendo valores e saberes empíricos-- substância que move meu trabalho.” (Maurício Pokemon, artista visual)


FICHAS TÉCNICAS

ARROW IN THE HEART
Concepção, criação e direção: Tamar Blom
Criação e orientação dramatúrgica: Marcelo Evelin
Coordenação de Produção: Job Rietvelt e Regina Veloso
Produção: Andréa Alves, Antônio Vagner, Arthur Doomer, Artenilde Soares, Gui Fontineles, Humilde Alves, Isabela Silveira, Renata Fortes.
Performance: Eduardo Mota, Fernanda Silva, Mariana Flores, Patricia Mallarini, Samuel Alvis, Soraya Portela, Vanessa Nunes, Zé Reis.
Fotografia: Maurício Pokemon.
Realização: Demolition Incorporada + Wild Vlees, com suporte de Performing Arts Fund NL e Dutch Ministry of Foreign Affairs
Agradecimentos a Adolfo Severo, Dudu Moreira/Vampa, Juliana Campelo e Marina Lobo

POROS
Criação e fotografia: Maurício Pokemon
Concepção e produção: Regina Veloso
Making of: Gelson Catatau
Realização: Campo | gestão e criação em arte contemporânea + Marka Mídia Exterior
Agradecimentos a Vitor Arruda, Valério Araújo, André Gonçalves e a todos os moradores e artistas que gentilmente cederam suas imagens.

 

foto: Mauricio Pokemon

foto: Mauricio Pokemon

*Informações retiradas da página do evento https://www.facebook.com/events/960439520670941/