Cidadeverde.com

PI-113 para José de Freitas registra deslizamento de terra e fica só com meia pista

Atualizada às 10h25

A Defesa Civil do Estado divulgou um alerta para PI-113 entre os municípios de Teresina e José de Freitas, devido a um deslizamento de terra na encosta. É a principal via de acesso da capital ao município. O órgão pede para motoristas evitarem o local ou trafegar em baixa velocidade. 

A informação foi confirmada pelo diretor da Defesa Civil, Vitorino Tavares. A rodovia já estava comprometida com invasão das águas. Técnicos do DER estão no local. Hoje pela manhã a situação agravou. 

"A pista desmoronou e só está com a metade da rodovia. Tivemos que divulgar agora há pouco o alerta", disse Vitorino.

A região atingida é do Km 9 na altura do povoado Cancela. 

A rodovia está interdita e mais de 100 homens trabalham e dão orientação no local.

No Piauí, já são mais de 230 famílias desabrigadas em seis municípios do Estado (José de Freitas/Barras/Lagoa Alegre/Batalha/Cabeceira e Esperantina). 

O diretor-presidente do Departamento de Estradas e Rodagem do Piauí (DER), Castro Neto, confirmou que houve o deslizamento na região e enviou equipes para fazer os reparos na pista. 

"Houve um deslizamento da pista e estamos fazendo a remoção do material", disse Castro Neto. 

Governo divulga nota:

A Secretaria Estadual de Defesa Civil informa à população que a estrada Teresina-José de Freitas (PI-113) está operando em meia-pista, na altura do Km 09, na localidade Cancela, devido a um deslizamento de terra.

O órgão recomenda cuidado aos motoristas que trafegarem pelo local. O Departamento de Estradas de Rodagem do Piauí (DER) está enviando uma equipe ao ponto do deslizamento.

Já a pista do Rodoanel de José de Freitas e o trecho da PI-113 que liga José de Freitas a Cabeceiras estão liberados para o tráfego normal.

A Secretaria de Defesa Civil informa ainda que acionou o nível de alerta moderado aos municípios de Buriti dos Lopes e Luzilândia, e nível de alerta alto nas cidades de Piracuruca, Esperantina, Barras e Batalha devido ao risco de inundação dos rios Parnaíba, Longá, Piracuruca, Marataoan e seus afluentes.

 

Flash Yala Sena
yalasena@cidadeverde.com