Cidadeverde.com

Wilson Martins defende o adiamento das eleições até dezembro

Foto: Arquivo/CidadeVerde.com

O presidente estadual do PSB, Wilson Martins, defende o adiamento das eleições municipais de  2020. O ex-governador afirma que devido à pandemia do coronavírus, o pleito deveria ocorrer no mês de dezembro, com a posse dos eleitos em janeiro de 2021.

Wilson diz que o adiamento seria a medida mais viável e avalia como “precipitada” a discussão sobre o cancelamento. A possibilidade de prorrogação dos mandatos encontra rejeição. 

“É precipitado falar em cancelamento das eleições e prorrogação dos mandatos. Agora, avalio positivamente a possibilidade de adiamento. O pleito poderá ocorrer até no máximo o mês de dezembro de 2020. Isso garantindo a posse dos eleitos para 1º de janeiro de 2021”, destacou.

O ex-governador avalia que ainda há tempo para as datas do calendário eleitoral decisivas para a realização da eleição. 

“As convenções para escolha de candidatos só serão realizadas entre 20 de julho e 5 de agosto. A propaganda eleitoral se inicia em 16 de agosto. Portanto, tem muito tempo até lá. Se necessário adiar para Dezembro, teríamos 2 meses a mais nos prazos acima. Pelo que ocorreu na China, Itália, Espanha, por exemplo, acredito que bem antes da data das convenções, daqui a mais de 2 meses, estaremos  livres para trabalhar, nos reunirmos e retomarmos à normalidade no Brasil. Assim espero”, destaca.

O PSB apoia a pré-campanha do  médico Dr. Pessoa (MDB) a prefeito de Teresina. O partido deve indicar o ex-deputado Robert Rios (PSB) para a vaga de vice na chapa encabeçada pelo emedebista.