Cidadeverde.com

Fábio Novo reúne 12 deputados e reforça estratégia de campanha em Teresina

  • guarda_-39.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-38.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-37.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-36.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-35.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-34.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-33.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-32.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-31.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-30.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-29.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-28.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-27.jpg Roberta Aline / Cidade Verde
  • guarda_-26.jpg Roberta Aline / Cidade Verde

 

O pré-candidato do PT a prefeito de Teresina, deputado Fabio Novo, reuniu 12 deputados estaduais, 40% da Assembleia, em evento de pontapé da campanha. O evento articulado pelo coordenador da pré-campanha, deputado Franzé Silva, serviu para mostrar força e pedir a articulação dos deputados do PT, Solidariedade e PCdoB, em torno do nome do petista.

A meta é que até o final de agosto, Fábio Novo ultrapasse a marca de 15% nas pesquisas.  No encontro, cada deputado assumiu o compromisso de envolvimento com a pré-campanha de Novo.

No encontro foram discutidos assuntos como o plano de governo e estrutura de campanha. Á coluna, Novo destacou a importância do apoio dos parlamentares. 

"São 12 parlamentares, 40% da Assembleia, envolvidos com a nossa campanha. Isso reforça a nossa campanha. Esse time deve agregar na nossa campanha. São liderança que tem influência e vão contribuir com nosso programa de governo. Falamos de 12 deputados estaduais", disse. 

O presidente do Solidariedade,  deputado Evaldo Gomes, reforçou a aliança com Fábio Novo. Segundo ele, o objetivo é chegar no segundo turno.

"Estamos fechados e afinados. Vamos esperar o momento certo para fechar a chapa. Essa reunião é o primeiro passo para fecharmos a estratégia em torno do nome do Fabio. São 12 deputados, depois vamos reunir vereadores, lideranças para fortalecer o nome de Novo e chegar no segundo turno", afirmou.

O presidente estadual do PT, Francisco Limma, afirma que no dicionário de  Fabio Novo não existe a palavra desistência.

"O PT nunca esteve tão articulado em uma campanha a prefeito de Teresina.  Isso mostra a capacidade de articulação e união do Novo. Ele rasgou a parte do dicionário que tem a palavra desistência", disse.

Estavam presentes Francisco Limma (PT), Francisco Costa (PT), Elizangela Moura (PCdoB), Evaldo Gomes (Solidariedade), Flora Izabel (PT), Ziza Carvalho (PT), Warton Lacerda (PT), Franze Silva (PT), Paulo Martins (PT), Cicero Carvalho (PT).