Cidadeverde.com

Mário Rogério faz apelo à bancada federal e pede extensão do auxílio emergencial

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O candidato do Cidadania a prefeito de Teresina, Mário Rogério, avalia com preocupação o fim do auxílio emergencial previsto para dezembro. Mário faz um apelo para a bancada federal do Piauí. Segundo ele, é preciso que aja a possibilidade de prorrogação até que os índices do desemprego apresentem melhoras. 

Segundo ele, o desemprego e o fim do auxílio levaram ao quadro grave de fome. Com isso, ele propõe construir quatro restaurantes populares na capital. 

“O IBGE divulgou que o Piauí é o estado onde proporcionalmente há o maior número de famílias vivendo com o auxílio emergencial. E acaba em dezembro. A partir de janeiro as pessoas não terão mais essa renda. Fazemos um apelo a nossa bancada federal para que esse auxílio seja mantido até começar a diminuir o desemprego. Vai ser o caos. Já sabendo o que vai acontecer, temos como proposta criar quatro restaurantes populares nos bairros da capital. Para atender as pessoas que serão vítimas do fim do auxílio”, destacou. 

Para ajudar na recuperação do emprego, o candidato aposta no reforço ao Banco Popular. “Temos como proposta usar o banco popular para tentar recuperar as empresas que fecharam na pandemia. Isso com crédito barato. Daremos um reforço no Banco Popular. Vamos trabalhar no Polo Empresarial para garantir a infraestrutura que os empresários tanto pedem”, disse.

Mário Rogério afirma que também é preciso incentivar o homem do campão a produzir. “Vamos agir no Centro da cidade junto com os empresários para sabermos o que fazer e aumentar o número de empregos. Na zona rural vamos investir em produtos e criando linha de crédito rural. E vamos iniciar o maior de número de obras possível para a construção civil”, destacou.