Cidadeverde.com

“Briga de egos atrapalha o desenvolvimento de Teresina”, diz Simone Pereira

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

A candidata do PSD a prefeita, Simone Pereira, afirma que Teresina é prejudicada por uma “briga de egos” da classe política. Segundo ela, a violência é a maior prova de que falta integração e diálogo. Essa situação seria agravada por disputas políticas. 

“Com relação às ações imediatas de combate à violência, a Guarda Municipal será um instrumento facilitador desse processo. O que precisa é ter a compreensão de que terminou o processo eleitoral, a cidade e o estado passa a ser de interesse de todos. Tem que  trabalhar juntos. É preciso acabar com  essa briga de egos que existe por parte da classe política. Briga de egos atrapalha o desenvolvimento de Teresina.  Temos que trabalhar por Teresina. Com certeza a população saberá reconhecer quem trabalha e quem não trabalha.  Essa briga de egos é muito prejudicial. O atraso de Teresina é em decorrência da briga de egos”, afirma. 

Simone afirma que no caso da segurança pública, a responsabilidade maior é do estado. Porém, a prefeitura pode fazer a sua parte com ações voltadas para o social. 

“No meu plano de governo tem a proposição da criação de uma secretaria de Segurança. Mas não vamos jogar para platéia de que vamos fazer um policiamento repressivo, ostensivo ou investigativo. Isso não é competência do município. A competência do município é a guarda patrimonial. No máximo uma interferência na questão do trânsito. Agora, a Guarda Municipal pode ser um instrumento facilitador no processo de controle da violência. É assim que será usada. Iremos aumentar o contingente e faremos parcerias com o governo do estado para que juntos possamos combater a violência imediata. Na realidade, o que pensamos para o combate da violência é uma rede de proteção social e de garantias de direito. Executar as políticas públicas. A violência continua enquanto existir fome, miséria e exclusão. Vamos combater esses três fatores”, destaca.