Cidadeverde.com

Lucineide Barros diz ser “vergonha“ alagamentos nas ruas de Teresina

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

A candidata do PSOL a prefeita de Teresina, Lucineide Barros, afirma que a falta de drenagem e saneamento básico, em Teresina, é uma vergonha. Segundo ela, a situação de alagamento não se justificaria já que o grupo que representa a atual gestão se encontra no poder há mais de 30 anos.

“Não existe nem lixão em Teresina. Quando a política nacional de saneamento estabelece como prazo, até o final de 2020, para que seja resolvida a questão dos lixões. Vamos chegar até o final do ano sem ter essa questão resolvida. É uma vergonha. Estamos com o mesmo grupo na administração há mais de 30 anos e não se conhecem projetos exequíveis nessa área de saneamento. Há recursos. São basicamente os recursos do FGTS. Ano a ano sobram recursos porque os projetos não são bem feitos. É uma política que não rende votos. Mas a falta dela compromete a vida da população”, destaca.

Lucineide avalia que a ausência de projetos de drenagem, ao longo dos anos, levou à situação crítica de alagamento em praticamente todas as regiões da cidade. Com a chegada do período chuvoso, a situação se agrava.

“É necessário que se execute um plano de saneamento básico e ambiental. Nesse caso da drenagem é parte da política de saneamento ambiental. É algo que aqui em Teresina não se sente muito cotidianamente, mas no momento de uma chuva como a que aconteceu ontem à noite, os estragos são grandes. Muitas ruas ficam intrafegáveis e as pessoas nas comunidades ficam vulneráveis aos adoecimentos porque o lixo vem para dentro de casa. É necessário um sistema de drenagem que olhe a cidade como um todo. Mas junto com isso, fazer ações para ter a destinação correta para o lixo. Ainda temos lixão”, disse.