Cidadeverde.com

Dr. Pessoa anuncia mais uma reforma administrativa

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

O prefeito Dr. Pessoa irá encaminhar à Câmara de Teresina um "pacotão" de mudanças na administração. Segundo ele, a proposta será encaminhada à Casa na próxima semana. A reforma muda pontos da reforma aprovada pelos vereadores no início do ano.

VEJA AS MUDANÇAS

Coordenadoria de Comunicação sai da Secretaria de Governo e passa a ser vinculada à Secretaria de Finanças;

Guarda Civil Municipal(GCM) que ficou vinculada à Secretaria de Governo passa agora para a Defesa Civil;

Criação de Secretaria de Agricultura ;

 Secretaria de Juventude será  transformada em Coordenadoria. A pasta deve ficar ligada à Secretaria de Mulheres.

 

Secretaria de Governo enfraquecida

Com a mudança, a Secretaria de Governo comanda por Adolfo Nunes perde força. A pasta que tinha sido fortalecida com a reforma do início do ano, agora perde força para a Secretaria de Finanças.

Alguns aliados do Palácio da Cidade afirmam que o secretário estariam de saída da pasta. 

Robert  Rios fortalecido

A pasta das Finanças é comandada pelo vice-prefeito Robert Rios (PSB). O vice tem se fortalecido cada vez mais à frente da prefeitura. 

Pessoinha deixa a Juventude

Com a reforma, o advogado João Duarte, o Pessoainha, filho  do prefeito,  deixará a secretaria de Juventude. Ele ficará apenas com o comando da Eturb.

A criação da Secretaria da Agricultura deverá  acomodar aliados na prefeitura.  Partidos da oposição como o DEM, desejo ingressar na base aliada e estariam de olho nos espaços nascentes.

Justificativa do Prefeito

“Vamos ciar uma  Secretaria de Agricultura no município de Teresina. Isso para trabalhar a produção. É uma vergonha Teresina produzir muito pouco. Vamos tornar Teresina em um celeiro de produção”, afirmou Dr. Pessoa sobre a nova pasta.

Com relação a reforma, Dr. Pessoa chama de "pacotão" que será encaminhado à Câmara.

“Vamos mandar o projeto para a Câmara. Será um pacotão com mudanças. Não é pacotinho, é grande. Encontra-se em análise com certa profundidade. No caso da Comunicação, já é prego batido e ponta virada.  Teremos mudanças após a Páscoa. Muitas coisas irão para a Câmara”, afirmou.