Cidadeverde.com

Charles da Silveira confirma filiação no PDT e passa a ser cotado para o governo

Foto: RobertaAline/Cidadeverde.com

O ex-secretário de Governo da gestão do ex-prefeito Firmino Filho (PSDB), Charles da Silveira, confirmou que irá se filiar ao PDT. Ele afirma que espera apenas resolver a saída do PSDB para assinar a ficha de filiação à nova sigla. 

A confirmação foi feita durante evento do partido com a presença do presidente nacional, Carlos Lupi. Durante evento, o nome dele foi colocado como um possível candidato do PDT a governador do Piauí. Porém, Charles afirma não ter interesse  em candidatura no momento. 
“Sim. Tenho a intenção de ir para o PDT. Estou conversando com os amigos que tenho no PSDB. Em todas as ações que faço e todas as instituições que participo entro e saio pela porta da frente. Estou conversando e explicando meus motivos e devo me filiar ao PDT. Todas as pessoas sabem que em algumas eleições passadas já  votei no Brizola, no Ciro Gomes e tenho um vereador no PDT que é como se fosse um filho meu.  Na eleição de 2022, a polarização a atrapalha o processo democrático. Ela embota a discussão das ideias e reais problemas do país. O plano desenvolvido pelo Ciro Gomes nos apresenta como o melhor”, destacou. 

Apesar de evitar falar em candidatura, Charles afirma que  pretende ajudar os três vereadores da sigla a organizarem o partido na capital. 

“Não vou falar em nome do PDT uma vez que ainda não me filiei. O PDT deve ter suas estratégias e pensamento para construir chapas majoritária e proporcional. Mas que possa ter um campo de atuação que saiamos do tudo ou do nada ou do nado ou do tudo. Essa é uma hipótese que não foi ventilado. Não estou indo para ser candidato. Mas para ajudar a fortalecer a agremiação partidária”, disse. 

O presidente colocou o nome de Charles da Silveira como uma opção pra o governo em 2022. “Vamos tentar  construir essa canddiatura. Ainda não temos nomes, mas estamos construindo. Deve entrar no partido o professor Charles da Silveira que é um grande nome.  Ele é um possível pré-candidato a uma disputa majoritária pelo PDT. Pode ser a governador, vice, mas vem mais gente”, disse Lupi.