Cidadeverde.com

Governador diz a Júlio César que não há acordo com o MDB sobre a vaga de vice

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O deputado Júlio César Lima, presidente estadual do PSD, afirma que foi informado pelo governador Wellington Dias (PT) de que não há nem um acordo com relação ao nome que irá ocupar a vaga de vice na chapa governista. Nos bastidores, há informação é que a vaga já seria do MDB. O partido deve indicar o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho. 

Porém, a informação repassada pelo governador a Júlio César é que não há definição. Com isso, o partido briga pelo direito a indicação. 

“Já conversamos com o governador. O PSD se transformou na segunda maior força política do Piauí. Temos 40 prefeitos e temos a perspectivas de receber a adesão de outros prefeitos. Temos o direito de reivindicar a participação na chapa majoritária. O governador nunca disse nem sim e nem não. Ele diz que não há nada definido com ninguém sobre a vice. O que está definido é que o candidato a governador é o Rafael Fonteles e uma grande perspectiva do governador ser candidato a senador. Em relação à vice, ele disse que não há nada definido”, destaca.