Cidadeverde.com

PSD e governador batem o martelo: MDB ficará com a indicação do vice

Foto enviada por WhatsApp 

Em reunião realizada agora há pouco entre os deputados Júlio César Lima (PSD), Georgiano Neto (PSD), o governador Welington Dias e o secretário de Fazenda Rafael Fonteles, ficou acertado que a indicação do vice ficará com o MDB.

O PSD vai indicar a primeira suplência de senador. A informação foi passada à coluna por fonte do Palácio de Karnak que acompanhou o desenrolar da reunião.

O PSD analisa ainda se o deputado Júlio César irá concorrer a suplência ou se irá indicar um outro nome do partido.

A legenda trabalha a construção da chapa proporcional e deve tomar a decisão o mais rápido possível já que se Júlio César não concorrer à reeleição, muda a estratégia do partido proporcionalmente.

O MDB já tem o candidato a vice. Será o presidente da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Themístocles Filho. 

A chapa majoritária deverá ser lançada em fevereiro. Essa é a mesma data em que o PT nacional estuda lançar o ex-presidente Lula como pré-candidato a presidente da República.