Cidadeverde.com

PT diz não ao Progressistas e mantém disputa pela Secretaria de Saúde

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

O Progressitas nadou, nadou e deve morrer na praia com relação à disputa pela Secretaria de Saúde. O PT, em especial, o deputado que  é presidente da sigla, Assis Carvalho, disse não sobre a indicação da Saúde. 

O PT deve manter a pasta. O nome indicado será do deputado estadual Francisco Costa. O parlamentar se reúne nas próximas horas com o governador.

PT não aceita o Progressista no cargo, já visando as eleições de 2022. O senador Ciro Nogueira avisou que o partido terá candidato próprio ao governo no próximo pleito. 

Isso significará o rompimento do Progressistas com o PT.