Cidadeverde.com

“Consenso só se for em meu nome”, diz deputado Cícero Magalhães

Foto:Arquivo/CidadeVerde.com

O deputado Cícero Magalhães afirma que a única possibilidade de haver consenso na eleição do PT, é se o acordo ocorrer em torno do nome dele. O parlamentar descarta desistir da disputa contra o grupo do atual presidente, o ex-vereador Gilberto Paixão (PT).

Magalhães reagiu à declaração do vereador Dudu (PT), que defendeu o diálogo para que Magalhães desista da disputa. “É uma novidade eles me chamarem para conversar. Se for em meu nome, o consenso será feito. O consenso será no meu nome. Também porque eu sou o mais velho dos três. E ainda agradeceria muito não só a Deus, mas a eles. Estou me preparando para disputar o Processo de Eleições Diretas (PED)”, destacou. 

Cícero Magalhães destaca o papel que o presidente terá ao conduzir o processo eleitoral de 2020, na sigla. Porém, lembra que o presidente só toma decisões em grupo. 

“O presidente é um dos membros. a direção do partido é o colegiado. O presidente não faz as coisas sozinhas ou deixa de fazer porque é só ele. Geralmente as coisas são feitas  em conjunto, discutindo com o conjunto  da direção do partido e encaminhado aquilo que o conjunto determina”, destacou.