Cidadeverde.com

Deputado Assis Carvalho critica proposta de prévia para escolher candidato do PT

Foto:RobertaAline/CidadeVerde.com 

O presidente estadual do PT, deputado federal Assis Carvalho, é contra a proposta do partido realizar uma prévia ainda em 2019, para a escolha do candidato a prefeito de Teresina. Segundo ele, uma prévia iria acirrar ainda mais os ânimos na legenda e prejudicar a unidade do partido.

Assis avalia que os candidatos devem buscar o consenso e a prévia seria uma das últimas alternativas. Hoje o PT tem como candidatos os deputados Fábio Novo e Franzé Silva e o militante Júnior do MP3.

“Ainda temo um longo caminho a ser percorrido. O PT não deve realizar prévia neste momento. Primeiro tem que se buscar o diálogo para se chegar ao consenso. Essa questão de prévia seria apenas para o próximo ano. Isso acirra muito os ânimos do partido. Não é o momento certo”, destacou. 

A realização de prévia é defendida por lideranças como o vereador Dudu (PT). 

Vereador Joninha distribuí melancias na Câmara e “adoça” relação com Zé Filho

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

Ao final da sessão plenária da Câmara de Teresina nesta quarta-feira (02), o vereador Joninha (Avante) parou o parlamento ao distribuir melancias. Vereadores, jornalistas e assessores que estavam no local, mataram a fome com as melancias distribuídas no pátio, próximo ao estacionamento da Casa.

Até o presidente do Avante, vereador Zé Filho, deu uma trégua nas desavenças com Joaninha e provou um pedaço da fruta. Os dois disputam a presidência da legenda. Joaninha chegou a ameaçar ir à Brasília em busca de apoio para assumir o partido. 

“Eu quero que alguém diga que na melancia do Joaninha não é doce”, disse o vereador ao distribuir a fruta. 
 

Themístocles Filho afirma que diretório estadual não irá interferir em Teresina

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O presidente do diretório municipal de Teresina do MDB, deputado Themístocles Filho, afirma que o diretório estadual não irá interferir na escolha do candidato a prefeito pelo partido. O senador Marcelo Castro é quem comanda o diretório estadual da sigla e, por diversas vezes, deu declarações de que o partido teria outros pré-candidatos como o deputado, Henrique Pires, e o vereador, Dr. Pessoa. 

A insistência de Marcelo Castro em lembrar outros nomes interessados na disputa, tem incomodado algumas lideranças municipais. O diretório de Teresina tem pressa em unir a sigla em torno do nome de Dr. Pessoa. 

“Cada diretório municipal é livre para escolher seus vereadores e prefeitos. Não há interferência no MDB do diretório estadual”, afirma Themístocles ao ser questionando pela coluna sobre possível interferência de Marcelo Castro. 

Oposição e base aliada medem forças na Assembleia Legislativa e trocam farpas

 

O líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado, Francisco Limma (PT), reagiu às críticas da oposição a gestão da educação estadual. Após visitar a Uespi, a deputada Teresa Britto (PV) fez duras críticas ao governo e ameaça ir à Justiça para obrigar o governo a fazer os repasses financeiros à instituição. 

Depois da parlamentar cobrar detalhes da aplicação dos recursos obtidos pelo governo através do Finisa,  programa intermediado pela Caixa Econômica Federal, Limma disse que a oposição é incoerente.  Teresa quer uma audiência pública e disse que a situação da instituição é caótica. 

“O maior erro é dizer uma coisa aqui e fazer outra ali. A deputada não é melhor do que eu ou do que qualquer outro parlamentar. O mais besta que tem aqui é deputado estadual. O maior erro da oposição é a incoerência. Ela vai visitar a Uespi e ao invés de ouvir os dirigentes, os professores, fica fazendo deduções. E fica cobrando aqui a melhoria dos serviços da educação, da saúde, mas na hora que vem um projeto para conseguir recursos para o Estado vota contra”, afirmou.

 

Após ato com aliados, Franzé Silva mantém pré-candidatura a prefeito

Foto:RobertaAline/CidadeVerde.com

O Deputado Estadual Franzé Silva afirma que permanece como pré-candidato do PT para a disputa à Prefeitura Municipal de Teresina em 2020. Em evento realizado na sede do partido, que contou com a presença de representantes de movimentos sociais, afirma que não irá desistir em nome do consenso. 

Ele disputa a preferência do partido com o também deputado, Fábio Novo, e  com o militante Júnior do MP3. Se não chegarem a um consenso, o nome do candidato será escolhido na convenção da legenda.

“Nós vamos dialogar para construir uma proposta para essa cidade. Eu não abro mão da candidatura, por saber que meu nome está bem avaliado e tenho dito que juntos construiremos uma proposta de governo. Retomei o diálogo com militantes, estudantes, empresários. Estou estudando as capitais brasileiras e seus indicadores para que haja um debate mais qualificado com os demais candidatos”, afirma o pré-candidato Franzé Silva.

Ricardo Bandeira afirma que não irá pedir exoneração de secretaria

Foto:RobertaAline/CidadeVerde.com

O vereador Ricardo Bandeira, que atualmente comanda a Secretaria municipal de Economia Solidária, afirma que não vai pedir exoneração da pasta. Essa era uma exigência feita pelo presidente estadual a sigla, vereador Luís André.

O PSL quer lançar candidato próprio a prefeito de Teresina e pede que os vereadores da sigla deixem os cargos na administração municipal. Ricardo Bandeira lembra que todos os parlamentares da legenda possuem cargos, inclusive, o presidente Luís André.

“Eu não quero sair e o prefeito Firmino Filho não quer nossa saída. Com isso, vamos continuar na nossa secretaria. Todos os vereadores do PSL estão na mesma situação. O partido ainda precisa discutir mais sobre essa proposta de candidatura própria. Por enquanto somos da base do prefeito”, afirmou Ricardo Bandeira. 

PT define os dois critérios que serão decisivos na escolha do candidato do partido a prefeito

Foto:Ascom

Os três pré-candidatos do PT a prefeito de Teresina travam uma disputa nos bastidores pelo apoio da maioria do partido. Os deputados Franzé Silva e Fábio Novo são considerados favoritos na disputa com o militante Júnior do MP3.

Na escolha, petistas avaliam que o partido levará em consideração a força política do candidato, mas também, se o nome possui um perfil técnico. A observação que o PT faz do eleitorado teresinense é que na capital, o eleitor exige também um perfil técnico. No caso de Franzé, ele já fez parte da equipe econômica do governo de Wellington Dias. Já Fábio Novo, comandou até pouco tempo a Secretaria de Cultura. 

“Todos os três são militantes do partido. Se identificam com o partido. Dois têm mais apelo para além do PT quem são os deputados Franzé Silva e Fábio Novo. Até fiquei surpreso com a colocação do Fábio Novo, mas acho que é muito bom. Eu estimulei o Franzé porque ele tem o perfil técnico que é exigido hoje. O Fábio também tem os dois perfis. Ele até mudou o título dele e isso é bom. Esperamos que desses dois possamos sair com um que possa representar bem a cidade”, disse o ex-deputado João de Deus ao analisar o perfil dos candidatos. 

Pablo Santos nega acordo com suplentes para retorno de deputados a secretarias

Foto:RobertaAline/CidadeVerde.com

Depois do deputado João Madison (MDB) falar da possibilidade de acordo entre deputados titulares e suplentes na Assembleia Legislativa, o deputado Pablo Santos afirma não ter interesse de retornar para a Fundação de Saúde antes de dezembro. Segundo ele, o retorno não deve ocorrer antes de dezembro.

Os suplentes trabalham nos bastidores para pressionar os deputados para retornarem às secretarias. Mas os titulares resistem e pretendem ficar na Assembleia pelo menos até a votação do orçamento de 2020 no final do ano.  

“Quando chegar em dezembro teremos uma conversa com o governador e o deputado que desejar pode voltar para suas pastas. Só depois da votação do orçamento em dezembro. Quando externamos o sentimento de voltar para a Assembleia foi justamente para votar os empréstimos e o orçamento de 2020. Antes desta data, nenhum deputado dos seis voltará”, destacou.

Gilberto Kassab cumpre agenda em Teresina visando eleições de 2020 na capital

Foto:RobertaAline/CidadeVerde.com

O presidente nacional do PSD, ex-ministro Gilberto Kassab, visita Teresina no dia 07 de outubro. O partido vai reunir prefeitos e lideranças em um evento de filiações visando a eleição do próximo ano.

Na capital, o PSD deve ter candidatura própria com o deputado, estadual Georgiano Neto, disputando o cargo de prefeito de Teresina. Na Câmara, o partido quer aumentar a bancada que hoje tem como representante a vereadora Cida Santiago. 

 

Julgamento do vereador Major Paulo Roberto é remarcado para o dia 03

Foto:RobertaAline/CidadeVerde.com

O Solidariedade irá realizar o julgamento do vereador Major Paulo Roberto no dia 03. O parlamentar é acusado de infidelidade partidária nas eleições de 2018. Segundo denúncia formulada por um membro da legenda, ele teria votado em candidato a deputado de outro partido. 

Major ainda não apresentou a defesa. Mesmo com a ameaça de expulsão, o vereador afirma que será candidato a vereador pelo Solidariedade. Major vive em pé de guerra com o atual presidente da sigla, deputado Evaldo Gomes.  

Posts anteriores