Cidadeverde.com

Ciro Nogueira confirma retorno de Júlio Arcoverde à Assembleia

Foto: Arquivo/CidadeVerde.com

O presidente nacional do Progressistas, senador Ciro Nogueira, confirmou o retorno do deputado Júlio Arcoverde à Assembleia  Legislativa do Estado. O deputado se licenciou da Casa para assumir o comando da Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Teresina.

"Ele vai voltar. A data ainda vai ser marcada", afirmou. 

A decisão foi tomada depois do anuncio do secretariado do governador Wellington Dias (PT). O partido ficou insatisfeito com o veto ao nome do ex-deputado Mainha. Ele foi indicado para a Secretaria de Meio Ambiente, mas não foi aceito.

O governador acatou a indicação feita pela deputada federal, Margarete Coelho, da jornalista e ambientalista Sádia Castro para a pasta. A nova gestora é irmã da deputada. No Palácio de Karnak, Mainha é visto como oposição. A família dele teria apoiado a oposição em 2018. 

Na tarde de hoje, o deputado Júlio Arcoverde terá uma reunião com o Secretário de Governo, Osmar Júnior. O governo tenta chegar a um acordo com os progressistas e os demais partidos insatisfeitos. 

 

PSD aguarda conversa com governador e pasta para compensar perda da Adapi

Foto:Arquivo/CidadeVerde.com

O PSD ainda não digeriu a perda da indicação da Agência de Defesa Agropecuária do Piauí (Adapi). O partido espera uma reunião com o governador Wellington Dias (PT) na próxima semana.

A expectativa é que a legenda possa ser compensada pela perda do comando da agência. O deputado Firmino Paulo (Progressistas) indicou para o cargo o engenheiro agrônomo e administrador de empresa, José Genilson Sobrinho.

No momento, o PSD ficou com a indicação da recém criada secretaria de Agronegócio. O partido indicou Simone pereira para o cargo. 

MDB avalia espaço do partido no novo secretariado do governo estadual

Foto:WilsonFilho/CidadeVerde.com

O deputado José Santana (MDB) toma posse na segunda-feira (06) como secretário de Assistência Social e Trabalho. Ele afirma que o MDB avalia como positiva a participação da sigla na composição do novo secretariado do governador Wellington Dias (PT). 

O partido avalia que o governador Wellington Dias priorizou o empenho de cada legenda na eleição de 2018. Santana diz que entre os aliados há o consenso que “todos os partidos foram contemplados, não como desejavam, mas como foi possível”.

Na cota do MDB entraram pastas como:

SASC- José Santana
Fundação Hospitalar - deputado Pablo Santos
Idepi - Leonardo Sobral (cota deputado João Madison)
DER- Castro Neto (cota deputado Marcelo Castro)
Coordenadoria Estadual do Idoso - Marllos Sampaio

Novo secretariado de Wellington Dias muda composição da Assembleia

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O governador Wellington Dias  ( PT) anunciou a composição do novo secretariado. A equipe administrativa modifica diretamente a composição da Assembleia Legislativa do Estado.

O governador convoca assim  quatro deputados. São eles: Wilson  Brandão  ( Progresistas), Pablo Santos ( MDB), José Santana ( MDB) é Janaína Marques ( PTB). Com isso, serão convocados os suplentes Warton Santos ( PT), Ziza Carvalho ( PT), Cicero Magalhães ( PT) e Belê Medeiros (Progressistas ).

Com a mudança, o PT passa a ter a maior bancada. Wellington Dias  não indicou nenhum deputado do partido para assumir diretamente uma pasta. O partido mantém então os cinco deputados que já possui e com os três suplentes, passa a ter uma bancada de oito.

O Progresistas também teve um acréscimo de um parlamentar. Passa de cinco para seis deputados. O MDB que era a maior bancada, com seis deputados, fica agora com o mesmo tamanho do Progressistas. 

 

Margarete Coelho indica Sádia Castro para Secretaria do Meio Ambiente

Foto:Reprodução/Facebook@SádiaCastro

A deputada federal Margarete Coelho venceu a  disputa no Progresistas pela indicação do comando da Secretaria de Meio Ambiente. O Progressitas tentou emplacar o nome do ex-deputado Mainha, mas o governador não acatou.

A família de Mainha votou na oposição em 2018. O nome dele sofreu forte resistência no Karnak.

Sadia Castro é irmã de Margarete Coelho. Ela é jornalista e ligada a questões ambientais. 

No plano federal, Margarete Coelho indicará um nome para o Ibama. Com isso, aproxima as duas pastas.

Com suplentes, PT passa a ser o partido com maior bancada na Assembleia

Foto:WilsonFilho/CidadeVerde.com

Os nomes de quatro secretariados já estão confirmados no novo secretariado do governador Wellington Dias (PT). Já estão confirmados como secretários os nomes dos deputadosFábio Novo (PT), Janaínna Marques (PTB), Zé Santana (MDB) e Wilson Brandão (Progressistas). 

Com isso, os quatro primeiro suplentes que serão convocados são Warton Lacerda (PT), Ziza Carvalho (PT), Cícero Magalhães (PT) e Belê Medeiros (Progressistas). A bancada do PT na Assembleia Legislativa do Estado passa de cinco para oito parlamentares com a convocação dos três suplentes da sigla. 

Deputado diz ser pego de surpresa com decisão do governador sobre Adapi

Foto:RobertaAline/CidadeVerde.com

O acordo entre o governador Wellington Dias (PT) e o deputado Firmino Paulo (Progressistas) repercutiu diretamente no PSD. O partido já dava como certa a indicação para a Agência de Defesa Agropecuária do Piauí (Adapi), mas foi surpreendido com a informação de que a pasta passará ao comando do deputado progressistas.

Em entrevista à coluna, o deputado Georgiano Neto (PSD) informou que não foi informado sobre a mudança. Ele afirma que estava em viagem ao interior do Estado, quando ficou sabendo da informação.

Sem a Adapi, a cota do PSD no novo governo fica restrita a:

Secretaria do Agronegócio - Simone Pereira (cota do deputado Georgiano)
Coordenadoria de Combate às Drogas - Sâmio Falcão (cota da vereadora Cida Santiago)
Parque Potycabana - a definir

Fábio Xavier indica o irmão para o comando da Secretaria de Cidades

Foto:Reprodução/TVCidadeVerde

A disputa pela Secretaria de Cidades chegou ao fim. O deputado Fábio Xavier venceu a briga com PT. O parlamentar, que é presidente do PR, indica o  irmão Gustavo Xavier para o comando da pasta. 

O governador vai anunciar o novo secretariado completo até o início da tarde desta quinta-feira (02).

Após acordo, Firmino Paulo indicará Adapi e Mainha Meio Ambiente

Foto:WilsonFilho/CidadeVerde.com

O Progressistas chegou a um acordo com o governador Wellington Dias (PT) sobre a participação do partido no secretariado. O ponto de divergência era a participação do deputado Firmino Paulo no governo.

Depois de várias conversas, ficou definido que o parlamentar irá indicar o comando da Adapi e uma Superintendência da Secretaria de Cidades, a antiga Comepi. A secretaria de Cidades deverá continuar com o comando do deputado Fábio Xavier.

Com o Progressistas na Adapi, o PSD perde a pasta. O partido deverá indicar apenas a Secretaria de Agronegócio. 

O partido do senador Ciro Nogueira indicou o nome do ex-deputado Mainha para a Secretaria de Meio Ambiente. A sigla espera a resposta do governador. Haveria resistência do Palácio de Karnak já que a família de Mainha teria votado na oposição ao governador em 2018.

A participação do partido ficou definida assim:

Secretaria de Mineração – Wilson Brandão
Coordenadoria de Irrigação – B. Sá
Secretaria de Transportes – Vilani Silva (indicação do deputado Hélio Isaias)
Detran – Arão Lobão
Adapi e Superintendência da Secretaria de Cidades – Firmino Paulo
Meio Ambiente – Mainha (espera reposta do governador)

Progressistas terão nova conversa com governador para definir espaço de Firmino Paulo

Foto: Reprodução/RádioCidadeVerde

A participação do Progressistas  na composição do novo secretaria já está quase 100% formada. Falta apenas um detalhe: a participação do deputado Firmino Paulo no governo. 

Ele pede o apoio do partido para conseguir fazer uma indicação em alguma pasta, mas até agora não obteve resposta do governador. Firmino Paulo e o presidente do partido no Piauí, deputado Júlio Arcoverde, devem ser reunir com o governador ainda hoje (01). 

Até o momento, a cota do partido é formada pelas secretarias de Mineração, Meio Ambiente, Setrans, Detran e Meio Ambiente. 

Posts anteriores