Cidadeverde.com

Marcelo Castro quer Jeová como opção a deputado estadual pelo MDB

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O presidente estadual do MDB, senador Marcelo Castro, afirma que o presidente da Câmara, vereador Jeová Alencar, é opção do MDB para a disputa por vagas de deputado estadual. Ele afirma que o deputado Themístocles Filho acertou quando passou a direção municipal da sigla para o vereador.

“Achei muito justo. O Themístocles é uma figura estadual. Pretendo que o Jeová seja uma figura estadual. Um dos caminhos é sendo vereador mais votado da capital com uma votação histórica. É sendo presidente da Câmara Municipal e sendo presidente municipal do partido. Cada vez mais damos uma posição de destaque para o Jeová. Esperamos que ele tenha força e energia para ser um candidato do MDB a deputado estadual”, disse.

A posse de Jeová no comando do diretório municipal do MDB deve ocorrer no dia 27 com a realização de uma convenção.

Aliados afirmam que Dr. Pessoa busca comando de partido; Patriotas pode ser o caminho

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

Aliados do prefeito Dr. Pessoa garantem que ele não fica no MDB. A informação é que o prefeito da capital estaria em busca do comando de algum partido. O Patriotas seria uma possibilidade. O partido tem uma cadeira na Câmara de Vereadores com Tanandra Sarapatinhas. 

Os mesmo aliados não descartam a possibilidade do prefeito ser candidato a governador em 2022. Dr. Pessoa estaria avaliando a possibilidade de ser uma terceira via na disputa que desenha uma candidatura do PT com Rafael Fonteles e Ciro Nogueira (Progressistas). 

Robert Rios divulga lista de vereadores e a Câmara prepara nota de repúdio

Foto: Montagem/CidadeVerde.com

Um novo mal-estar entre a os vereadores de Teresina e a Prefeitura de Teresina. Dessa vez, o pivô da crise é o secretário de Finanças Robert Rios. 

A desavença começou depois que o vice-prefeito divulgou a relação dos vereadores que mais empregaram terceirizados na gestão do ex-prefeito Firmino Filho ( PSDB). Na lista aparecem vereadores que se reelegeram e outros que já deixaram a Casa. 

Os vereadores Evandro Hidd e gestores que já deixaram a Casa como Samuel Silveira e Joninha são apontados como os que mais indicaram terceirizados. A deputada Lucy Soares também é citada. 

Os vereadores ficaram revoltados com a situação. Eles cobram do presidente Jeová Alencar uma posição sobre o caso. Os parlamentares  querem apresentar uma nota de repúdio. O assunto vai ser discutido em um almoço ainda hoje. 

A nota será apresentada em nome da Casa e será colocada para votação na sessão da próxima quarta-feira (26). Em entrevista à coluna, Jeová diz que a declaração foi desnecessária. 

"E uma declaração desnecessária. Os vereadores estão me chamando para conversar. Teremos um almoço hoje para conversa. Depende da vontade da maioria. Mas entendo que no momento o principal é trabalhar pela cidade", afirmou. 

Os vereadores também se mostraram incomodados com a forma como Dr. Pessoa tratou a questão da indicação do comando das Unidades Básicas de Saúde. Eles afirmam que ficou parecendo que votaram a reforma administrativa para conseguirem cargos.

Segundo vereadores que falaram com a  coluna, incomodou a forma como o vice-prefeito falou do assunto. Eles viram um tom de deboche com a Casa. 

A decisão sobre a nota de repúdio não é consenso. Alguns vereadores estão com receio de se iniciar uma verdadeira “guerra” entre a Câmara e  a Prefeitura. Há vereador que afirma que a Câmara teria outras formas de responder, principalmente, na hora das votações. 

Marcelo Castro descarta a possibilidade de Henrique Pires deixar o MDB

Foto: Roberta Aline

O presidente estadual do MDB, senador Marcelo Castro, pediu calma aos deputados do MDB, que estão preocupados com a formação da chapa proporcional da sigla. Segundo ele, o partido contará com o apoio do governador Wellington Dias (PT) para resolver a questão. Um encontro deverá ocorrer em breve.

Marcelo disse descartar a possibilidade de nomes como o deputado Henrique Pires deixar a sigla.

"Henrique Pires é um membro histórico do MDB. Foi presidente nacional do MDB Jovem por muitos anos. Foi presidente nacional da Funasa (Fundação Nacional de Saúde). É um dos cargos mais importantes do Brasil. Se tiver uma pessoa identificada historicamente com o MDB,é o Henrique Pires. É natural que ele ou qualquer pessoa que vai disputar a eleição agora fique preocupado sem saber como vai ser essa legenda já que será exclusivamente  do partido", afirmou o senador Marcelo Castro, presidente do Diretório Estadual do MDB.

Marcelo Castro disse  ainda que é contra o Congresso alterar a regra eleitoral que coloca fim nas coligações proporcionais.

"Se fala nisso.  Acho improvável, mas no Senado do que na Câmara. Isso foi um passo importante depois de uma luta muito grande. A proibição de coligações proporcionais veio no sentido do fortalecimento dos partidos. Isso significa fortalecimento da democracia. Voltarmos atrás  nessa decisão, seria um retrocesso muito grande para o processo democrático no Brasil. Não concordo e trabalharei contra. Não acredito que isso ocorra", disse o senador. 

Avante define Carlos Ribeiro como secretário de Defesa Civil

Em reuniao com o senador Marcelo Castro ( MDB), o Avante definiu o suplente de vereador, Carlos Ribeiro, como novo secretário de Defesa Civil. 

Pela manhã, Carlos Ribeiro e o vereador Vinício Ferreira estiveram reunidos com o secretário de Finanças, Robert Rios. Eles trataram das questões financeiras da pasta. 

A Secretaria de Defesa Civil foi criada com a reforma administrativa aprovada pela Câmara de Vereadores.

Jeová Alencar recebe ligação de Dr. Pessoa após descontentamentos na Câmara

O prefeito Dr. Pessoa (MDB) ligou para o presidente da Câmara de Teresina, vereador Jeová Alencar (MDB) após a aprovação da reforma administrativa. O prefeito havia visitado a Câmara na manhã de ontem, mas causou um mal-estar ao afirmar que todos os vereadores seriam tratados iguais no critério de distribuição de cargos.

Os vereadores aliados não gostaram do critério usado para a distribuição. Segundo eles, quem esteve com o prefeito desde o primeiro turno da eleição mereceria um tratamento diferenciado. 

"O prefeito me ligou por volta de 14h30, agradecendo não só ao Jeová Alencar, mas aos 29 vereadores pela compreensão e necessidade de aprovação dos projetos enviados à Casa", disse Jeová.

Durante a entrevista, o presidente mandou uma espécie de recado para o prefeito falando sobre prioridades.

"Cada um sabe as suas prioridades. Cada um sabe da importância dos acontecimentos da sua trajetória de vida. A opinião dele, posso até discordar, mas respeito. Apoiamos Dr. Pessoa pensando no melhor para Teresina. Que ele possa melhorar o transporte público e o atendimento na saúde, a mobilidade urbana, a educação, para que o município possa buscar implementar a economia da cidade. A questão de cargos é secundária. Não se pode dedicar apoios a alguém pensando em cargos. É natural e racional, quando se trabalha com um grupo político, que você queria ter espaço. Não seria o espaço que você quer, mas o espaço justo. Isso fica para uma segunda etapa. O principal é o trabalho pela cidade", destacou. 

O parlamentar lembra que os vereadores são cobrados pelas lideranças políticas.

"Não tem arestas da nossa partee estamos no início de mandato. Sempre somos muito cobrados pelas nossas lideranças e apoiadores. Mas entendo que o momento é de contenção de gastos e preocupação com a pandemia da  covid-19. Esse avanço da covid. Espaço, discutimos em outro momento", afirmou.

A pedido de Robert, Júlio articula encontro entre Ciro e Dr. Pessoa

Foto: Roberta Aline

O presidente estadual do Progressistas, deputado Júlio Arcoverde  afirmou que o presidente nacional da sigla, senador Ciro Nogueira,   se encontra à disposição para se reunir com o prefeito de Teresina Dr. Pessoa (MDB). A pedido do  vice-prefeito Robert Rios (PSB), Júlio fará a ponte para o encontro. 

O Progressistas foi o principal aliado do PSDB na disputa pela prefeitura contra Dr. Pessoa. Apesar de ser oposição, na Câmara de Vereadores a bancada tem uma postura mais amena, sem uma oposição radical.

"Vamos marcar com o Ciro. Não existe problema quanto a isso. Conversei com o Robert e vamos marcar", afirmou.

Nos bastidores, há a informação de que o presidente municipal do Progressistas, vereador Aluísio Sampaio, poderia indicar um nome para a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habilitação (Semduh).

Avante se reúne com Robert Rios para discutir indicação para secretário de Defesa Civil

Foto: Lidia Brito

O vereador Vinicio Ferreira (Avante) e o suplente de vereador Carlos Ribeiro, se reuniram com o secretário de Finanças, vice-prefeito Robert Rios (PSB). No encontro, eles trataram da indicação do secretário que assumirá o comando da Secretaria de Defesa Civil.

No momento, o nome do partido é de Carlos Ribeiro, que disse estar à disposição da sigla.

"Estou à disposição do partido para assumir. Temos experiência e vamos conhecer a secretaria", afirmou.

O vereador Vinicio Ferreira é mais cauteloso e fala que a legenda ainda irá bater o martelo. "Vamos reunir o partido e discutir. Pode ser um nome técnico. Vinhemos discutir o assunto com o secretário Robert Rios. Mas ainda não temos um nome", afirmou.

 

MDB inicia planejamento para 2022 com projeto de eleger oito deputados

O MDB realizará uma grande reunião com parlamentares dos diretórios municipais e estaduais nesta sexta-feira (19). Para a disputa por vagas na Assembleia Legislativa do Estado, a sigla tem uma meta ousada de eleger oito parlamentares.

Porém, se seguir a regra do fim das coligações proporcionais, o partido terá muito trabalho para conseguir montar a chapa e atingir esse objetivo. O encontro de amanhã será o pontapé inicia para que a legenda inicie as discussões e crie as estratégias.

Parlamentares como o deputado Henrique Pires, não descartam a possibilidade de deixar o partido. Ele teme não conseguir ser reeleito diante da atual situação do partido. Ele esteve em São Paulo onde conversou com o ex-presidente Michel Temer (MDB) e pediu permissão para deixar a legenda. 

A presença do prefeito Dr. Pessoa é aguardada. Ele já manifestou a possibildiade de deixar a sigla. 

Prefeito Dr. Pessoa defende a volta da CPMF para recuperação da economia

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O prefeito Dr. Pessoa (MDB) declarou que é a favor do retorno da cobrança da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF). A afirmação foi dada durante visita à Câmara de Teresina  na manhã desta quarta-feira (17). 

Segundo Dr. Pessoa, a cobrança do imposto seria uma forma de ajudar na recuperação econômica diante da crise provocada pela pandemia do coronavírus. 

“No passado eu era contra a CPMF. Mas hoje em uma situação dessas que se encontra a economia em declínio. De um coronavírus que piorou ainda mais a situação. Se as classes maiores, não se sensibilizarem para se unirem para que os mais pobres tenham direito a pelo menos comer. A própria classe empresarial poderia mandar um projeto de lei para o Congresso Nacional para voltar a CPMF. Mas vamos pressionar os que cuidam do dinheiro público, dos impostos que são caros. O Brasil é um dos países que mais cobram impostos do mundo. Mas é um dos piores do mundo. Esse é um momento de pandemia e de queda de economia”, afirmou.

Dr. Pessoa defende que os recursos da CPMF fossem aplicados em projetos. “Seriam aplicados para garantir estabilidade social. É o povo que pede a mudança. A situação vai piorar. Quando acordo tem 20 a 30 pessoas pedindo café. Tem que ter visão que todo o coração para que as coisas possam fluir. Quando não se faz a prevenção, a doença invade”, disse. 

Posts anteriores