Cidadeverde.com

Capitão da PM, pai de major assassinado, morre afogado em praia do Piauí

O capitão reformado da Polícia Militar Antônio de Oliveira Soares, de 74 anos morreu afogado enquanto tomava banho na praia do Arrombado em Luís Correia, município a 338 km de Teresina. O capitão é pai do coronel Iran Moura, comandante do 5º Batalhão de Polícia Militar de Teresina e do major Mayron Moura, assassinado a tiros durante um assalto no bairro Dirceu no dia 21 de março de 2017.

Em contato com o Cidadeverde.com, o coronerl Iran, que está no litoral com toda a família, afirmou que todos se reuniram para um fim de semana na praia e foram surpreendidos com a fatalidade. "No momento do afogamento n´so socorremos ele, tiramos ele do mas, mas ele acabou não resistindo. Conversando com o médico foi concluído que a causa da morte foi o afogamento", explicou o coronel Iran Moura.

Bastante abalado, o coronel afirmou ainda que aguarda a liberação do corpo do pai no IML de Parnaíba. Em seguida, ele será transportado para Valença onde será velado durante todo este domingo (14) na residência da família. O enterro está marcado para as 17h no cemitério do município. O pai será enterrado no mesmo túmulo do filho, major Mayron Moura.

O capitão Antônio Soares foi comandante da 2ª companhia, vinculada ao 4º Batalhão da Polícia Militar de Picos. Em nota publicada no Facebook, a Polícia Militar de Valença lamenta a morte do capitão e afirmou que ele deixa um legado de disciplina, honradez e comprometimento com a instituição.

Veja a publicação:

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com