Cidadeverde.com

Teresina vai sediar o maior evento de desenvolvimento de jogos digitais da América Latina

A capital piauiense vai receber, pela primeira vez, o maior e principal evento destinado à criação de jogos digitais da América Latina. O XIV SBGames (Simpósio Brasileiro de Jogos e Entretenimento Digital), consagrado entre os desenvolvedores de games do país, contará com uma programação que envolve desde a pesquisa acadêmica até o empreendedorismo em jogos. O evento será realizado entre os dias 11 e 13 deste mês, no Blue Tree Towers Rio Poty Hotel.

Durante esses três dias dedicados ao desenvolvimento, inovação e pesquisa em jogos, o SBGames reunirá acadêmicos, desenvolvedores e entusiastas de todo o país. Com diversas atividades interativas, a programação do evento  conta com uma área de acesso gratuito com uma exposição de artes em jogos e o Festival de Jogos Independentes, uma feira com mais de 30 jogos independentes desenvolvido no Brasil.

Com estimativa de público de aproximadamente 3 mil espectadores, o evento também contará com palestras, tutoriais, talks e apresentação de artigos científicos. Dentre os nomes que figuram no quadro de palestrantes confirmados estão Chris Mark Bateman e Ernest W. Adams, que virão da Inglaterra para Teresina. O primeiro, é designer de jogos e filósofo, já trabalhou em mais de 40 jogos publicados e é conhecido na comunidade internacional de jogos especialmente pelo game Discworld. Adams, é consultor em game design, fundador e primeiro presidente da IGDA, Associação Internacionais de Desenvolvedores de Jogos, e é autor de livros de nível universitários a exemplo do título "Fundamentos do Game Desing, Terceira Edição".

Outro profissional renomado que vem para enriquecer o evento é Juan Pablo Lastra, diretor técnico da Behaviour Santiago, estúdio chileno da Behaviour Interactive que desenvolveu o Fallout Shelter, jogo da franquia Fallout para dispositivos móveis.  

De acordo com o organizador geral do evento, Erick Passos, o SBGames é direcionado totalmente para a área criação de jogos, e que Teresina nunca recebeu um evento semelhante. “Esse é um evento para pessoas que desenvolvem jogos. Ele vem para estimular a criação de novas empresas, novos grupos, novas pesquisas, para participar da economia criativa da criação de jogos, e não apenas de consumir. Ele vem para estimular as pessoas a aprenderem como se criam jogos, como se ganha dinheiro com jogos. Nunca foi feito nada parecido aqui em Teresina.” explica ele, que é PhD em Ciências da Computação.