Cidadeverde.com

Uso da tecnologia na educação já é rotina nas escolas

  • integral1.jpg Divulgação
  • integral2.jpg Divulgação
  • integral3.jpg Divulgação
  • integral4.jpg Divulgação
  • integral5.jpg Divulgação
  • integral6.jpg Divulgação
  • integral7.jpg Divulgação
  • integral8.jpg Divulgação
  • integral9.jpg Divulgação
  • integral10.jpg Divulgação
  • integral11.jpg Divulgação
  • integral12.jpg Divulgação
  • integral13.jpg Divulgação

Mostras de aplicativos, feiras de conhecimento e empreendedorismo encabeçadas por jovens estudantes estão dominando o cenário nas escolas de todo o País. É a geração Z, nascida e criada em um mundo dominado pela tecnologia, que agora é parte integrante e ativa da implementação da tecnologia na educação.

Segundo a pesquisadora e professora do setor de educação da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Nuria Pons Vilardell Camas, as novas tecnologias devem fazer parte do cotidiano escolar como é o livro, o quadro negro e o giz. "Usar tecnologias em sala de aula, na escola, em casa e nas ruas faz parte da rotina de muitos estudantes", destaca Nuria.

Em Teresina, uma dessas ações de repleta de tecnologia, juventude e inovação, aconteceu em escola particular da zona leste, já pela segundo vez. O evento, realizado no último dia 06 de novembro, contou com a exposição de diversos aplicativos desenvolvidos pelos alunos do 1º ano do Ensino Médio da escola, sob as orientações do Professor Henrique Moura.

A Mostra de Aplicativos, segundo a direção da escola, incentiva a inserção dos jovens no mundo do desenvolvimento e da programação. "É uma oportunidade de estimular a criatividade, espírito empreendedor e principalmente, a inovação dos nossos alunos”, ressaltou o Professor Paulo Machado, diretor do Colégio Integral. 

8 motivos para usar tecnologia em benefício da educação

Usar ou não usar novas tecnologias no dia a dia escolar já não é mais a questão. Afinal, o uso da tecnologia faz parte da vida das novas gerações fora da sala de aula e, por isso, a sua aplicação em benefício da educação pode ser considerada um importante caminho para aumentar o dinamismo das aulas. Nesse contexto, o importante é saber como integrar as novas formas de ensinar e aprender ao planejamento e ao currículo escolar.

Mas, para chegar lá, que tal conhecer alguns benefícios que estas ferramentas pedagógicas digitais oferecem, tanto para o seu plano de aula, como para melhorar o desempenho dos seus alunos? Selecionamos oito motivos, entre benefícios, vantagens e curiosidades sobre o uso da tecnologia na educação. Confira!

1. Aprimorar a qualidade da educação: proporcionando novos caminhos para o ensino e aprendizagem, além de novas metodologias, formando educadores e os ajudando a descobrir estratégias inovadoras para o aperfeiçoamento do processo educacional.
2. Ajudar a elevar os índices de desenvolvimento da educação básica: para que, em 2022, o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), oferecida nas escolas públicas brasileiras, alcance a meta proposta pelo Ministério da Educação (MEC) de 6,0.
3. Tornar as aulas mais atraentes e inovadoras: ampliando possibilidades para alunos e para professores e transformando a aprendizagem, tornando-a mais motivadora e significativa.
4. Contribuir para a diminuição das reprovações e da evasão escolar: auxiliando os alunos com facilidades ou dificuldades de aprendizagem através da educação personalizada, e despertando o interesse deles para os estudos.
5. Aumentar a integração e o diálogo entre alunos e professores: incentivando a autoconfiança, afetividade, autonomia e socialização entre docentes e discentes.
6. Auxiliar na melhoria do desempenho dos alunos: ampliando a sala de aula para fora do horário e do ambiente escolar, e melhorando, inclusive, a produtividade na lição de casa.
7. Estimular alunos a aprenderem e a ensinarem: aumentando, também, o diálogo com a família, em casa, sobre os assuntos vistos em aula.
8. Despertar a curiosidade e as novas descobertas: estimulando novas experiências através da cultura digital, construindo novas competências e contribuindo para o desenvolvimento de crianças e adolescentes.

Fontes: TIC Educação 2013, Unesco, Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Assessoria Integral.