Cidadeverde.com

Com casos de Covid ainda em alta, Teresina não tem plano para volta dos treinos de futebol

Foto: Prefeitura de Teresina

Firmino FIlho no estádio Lindolfo Monteiro, em registro feito em abril, após o local ser adaptado para receber moradores de rua durante a pandemia

O prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), afirmou que não há proposta específica para retomada dos treinos de times de futebol na capital, suspenso por conta da pandemia do novo coronavírus. Mesmo assim, afirmou que os clubes deverão seguir orientações gerais e específicas do setor esportivo, que serão debatidas futuramente.

Em videoconferência com jornalistas nesta terça-feira (9), Firmino Filho respondeu se havia um plano flexibilizar as medidas de isolamento para que clubes de futebol possam fazer treinamentos, como já ocorre em Fortaleza (CE) e Rio de Janeiro (RJ), enquanto os torneios ainda estão proibidos.

Antes dessa pergunta, Firmino Filho já havia dito que, com base nos dados do momento, não há como estipular a retomada de nenhum setor. Mas acrescentou depois que o futebol estará incluso no planejamento relativo ao esporte como um todo. 

- Toda essa questão do futebol e de eventos esportivos e recreativos está sendo deixada pro debate junto com todas as atividades econômicas. Dentro dos vários setores, um dos setores que vai ser analisado é o do esporte e lazer. Não tem nada específico para o futebol. 

Firmino Filho também explicou que haverá níveis de exigências que deverão ser cumpridas por todos os setores, e outras específicas para o esporte.  

- Vai ter um protocolo geral pra todos os setores, mas cada setor vai ter seu protocolo específico. E cada empresa, cada órgão, vai ter eventualmente seu plano de segurança próprio. São três níveis de protocolo: a coisa generalizada, que todos devem respeitar; a coisa específica de cada setor, o caso do futebol; e uma coisa específica de cada institução, como Piauí ou River.

As declarações do prefeito de Teresina devem basear as discussões dos times que disputam o Campeonato Piauiense. Na próxima quinta-feira (11), os clubes irão se reunir em videoconferência para tratar da prorrogação do decreto de isolamento social do Governo do Piauí, que agora vai até 22 de junho. 

Mesmo que o Governo do Estado já sinalize com a chance de flexibilização em alguns setores, Teresina é peça chave para o retorno do Campeonato Piauiense, quando isso for possível. Quatro dos oito clubes do torneio mandam seus jogos na capital: Flamengo, Piauí, River e Timon. 

* * * 

A declaração do prefeito foi ao ar no Cidade Verde Notícias desta terça-feira (9):