Cidadeverde.com

Site oficial dos Jogos de Tóquio destaca Sarah Menezes "em busca de redenção"

Foto: IJF

Sarah Menezes ainda não tem vaga garantida nos Jogos Olímpicos de Tóquio, que foram adiados para 2021. Mas o nome da judoca piauiense segue forte no cenário internacional. 

O site oficial dos Jogos Olímpicos publicou, nesta quinta-feira (16), uma reportagem sobre atletas "em busca da redenção" no evento do ano que vem. A página destaca nomes que sofreram lesões em 2016, no Rio de Janeiro, e pergunta: "Eles serão capazes de recuperar sua glória em Tóquio 2020?"

O texto - disponível em inglês - recorda a participação nos Jogos Olímpicos de 2016, defendendo em casa o ouro conquistado quatro anos antes, em Londres. O sonho, no entanto, terminou na repescagem, com derrota para a mongol Urantsetseg Munkhba e lesão no cotovelo direito. 

O site dos Jogos de Tóquio cita as restrições para treinos no Brasil, por conta da pandemia, e a viagem programada para Portugal, neste fim de semana, com a piauiense presente na delegação. Ao fim, a reportagem pergunta: "Veremos Menezes voltar em Tóquio e reconquistar sua coroa?"

Reprodução/Tokyo2020.org

Além de Sarah Menezes, a reportagem cita o ciclista australiano Richie Port, o triatleta espanhol Javier Gomez Noya, a ciclista holandesa Annemiek Van Vleuten, a golfista britânica Ariya Jutanugarn, e o ginasta francês Samir Aït Saïd. 

Se a classificação olímpica terminasse hoje, Sarah Menezes estaria fora do torneio. Larissa Pimenta seria a representante do Brasil na categoria meio-leve (até 52kg). Eleudes Valentim seria a primeira reserva. As três viajam para treinos em Portugal com a seleção brasileira, nesta sexta-feira (17).