Cidadeverde.com

Opinião: Série B do Piauiense com 3 times é péssimo, mas é o que temos

A confirmação da Série B do Campeonato Piauiense me deixa dividido. Sou defensor ferrenho do torneio, mas o formato de 2020 precisa ser exceção e não regra. 

Sem a Série B do Piauiense, o River não teria o promissor Emerson em seu elenco. O volante jogou o torneio do ano passado pelo Cori-Sabbá. 

A Série B serve para separar "os homens dos meninos". Clube que não reúne condições financeiras ou de estrutura ideais para encarar equipes da Série A estadual tendem a ficar pelo caminho na divisão de acesso. 

Fazer uma Série B, por mais problemas que ela possa ter, é melhor do que inchar a Série A com mais de 8 equipes. 

Porém, a exigência de pelo menos quatro equipes, que vigorava na Federação de Futebol do Piauí (FFP) até a primeira metade da década passada, era fundamental para estimular a competitividade. 

Se temos menos equipes participando, maior a chance de se classificar para a Série A um clube com menos condições para tal disputa. O filtro que acabei de elogiar fica menor. 

Além disso, com três times, um sempre folgará a cada rodada. O número ímpar não ajuda por favorecer quem entrará em campo na última rodada. É verdade que isso ocorreria com cinco, sete ou nove equipes, mas pelo menos teríamos outros jogos para reduzir a chance de combinação de resultados. 

Essa é outra questão: o maior número de participantes é um obstáculo a mais para ilicitudes, como combinações de resultados. Com menos times, menos se precisará de dinheiro para uma "mala preta" (pagamento para perder) ou "mala pranta" (pagamento para ganhar jogos). 

Essa é uma análise para qualquer torneio, de qualquer ano, que tenha apenas três equipes para classificar duas. Não quero dizer que todas essas possibilidades acontecerão em 2020 - torço é para que não ocorram. Mas é sobre esses riscos que o torneio também deve ser planejado.  

Ainda estamos tentando sair de uma pandemia. Ter três equipes com condições financeiras de disputarem uma Série B do Campeonato Piauiense já é muita coisa nesse contexto. No momento, é o que temos. É o que poderá ser feito. 

Mas no futuro, se a FFP tem mesmo como interesse fortalecer e dar credibilidade para a Série B, sugiro que avalie os pontos colocados aqui.

* * * 

A Série B do Piauiense foi um dos assuntos debatidos no Cidade Verde Notícias desta quinta-feira (3):