Cidadeverde.com

Em recomeço na seleção, Adriana quer disputar Jogos Olímpicos

  • cbf-adriana-selecao-6.jpg Fotos: Thaís Magalhães/CBF
  • cbf-adriana-selecao-5.jpg Fotos: Thaís Magalhães/CBF
  • cbf-adriana-selecao-4.jpg Fotos: Thaís Magalhães/CBF
  • cbf-adriana-selecao-3.jpg Fotos: Thaís Magalhães/CBF
  • cbf-adriana-selecao-2.jpg Fotos: Thaís Magalhães/CBF
  • cbf-adriana-selecao-1.jpg Fotos: Thaís Magalhães/CBF

De volta para a seleção brasileira após quase um ano e meio de ausência, a atacante Adriana comemorou o bom momento no Corinthians e a primeira convocação pela treinadora Pia Sundhage

- É um grande recomeço para mim. Estou me sentindo muito feliz. 

Recuperada de uma grave lesão no joelho, a jogadora piauiense já havia declarado que tinha como meta retornar para a seleção brasileira. Em boa fase no Timão e com o primeiro objetivo alcançado, o alvo agora é participar dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que foram adiados para 2021. 

- Pelo bom momento que eu vivo no Corinthians, com o apoio da comissão, das atletas, eu consegui fazer um bom desempenho e voltar aqui para a seleção, que era meu grande objetivo: ter mais uma oportunidade aqui e, quem sabe, chegar nas Olimpíadas de Tóquio. 

Adriana se apresentou na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), na última segunda-feira (14). A seleção brasileira feminina treinará até o dia 22 de setembro, sem jogadoras que atuam no exterior e jogos amistosos, por conta das restrições em diversos países pela pandemia do novo coronavírus. 

A atacante, que atua como meia na seleção, concedeu entrevista coletiva na última quarta-feira (17):