Cidadeverde.com

Caic é ouro no handebol e Piauí fecha Jogos Escolares com 10 medalhas

O Piauí encerrou sua participação nos Jogos Escolares da Juventude (antigos JEBs), em João Pessoa (PB), com uma medalha inédita conquistada neste sábado (15). 

Fotos: William Lucas/Inovafoto/COB

No principal evento do país para revelar talentos do esporte, o Caic Balduíno Barbosa de Deus sagrou-se pela primeira vez a melhor equipe de handebol masculino do Brasil, após vencer a Escola Professor Maynard (SP) por 26 a 19. O ouro coroa o trabalho da escola da rede estadual, que há cinco anos acumula conquistas nacionais e internacionais.

O título é inédito, apesar do Caic Balduíno ser até vice-campeão do último mundial escolar. A escola piauiense já havia vencido os Jogos Escolares em 2010, mas na divisão de acesso. Depois que subiu da "Série B" para a "Série A" do evento, o Caic foi bronze em 2011 e 2012, prata em 2013 e agora ouro. 


No primeiro tempo, o Caic Balduíno chegou a abrir 10 a 3 de vantagem contra a escola paulista. Na etapa final, ao invés da reação, a escola Professor Maynard viu a diferença ser ampliada em quase 10 gols: 22 a 13.

Quando a equipe de São Paulo conseguiu reduzir a diferença, já era tarde. O Caic Balduíno venceu por 26 a 19 e conquistou o título. 

Saldo de medalhas
Assim, o Piauí fecha sua participação nesta etapa dos Jogos Escolares, com 10 medalhas, sendo quatro de ouro, uma de prata e cinco de bronze. 

Além do Caic Balduíno, o handebol foi bronze com o time feminino do Sinopse, que tirou o Piauí da terceira divisão a partir do próximo ano. 

Vinícius Gabriel Silva foi ouro nos 50 e 100 metros nado livre. Seu desempenho o levou a organização do evento a o premiar com o troféu Power Superação, oferecido pela marca Powerade. O nadador foi o escolhido em votação de técnicos das delegações participantes.

No atletismo, Lia Raquel Carvalho voltou da Paraíba com três medalhas. Além do ouro nos 400 metros, ela foi bronze nos 200 metros rasos e integrou a equipe de bronze do revezamento medley, ao lado de Genivânia Silva, Héryca Sousa e Lara Silva. Nas pistas, o Piauí ainda conquistou uma prata com Héryca Sousa nos 800 metros.

Dos tatames vieram dois bronzes no judô com Lilian Lopes e Wilame Oliveira.