Cidadeverde.com

Flávio Araújo pede apoio da torcida na estreia do River na Série D

Vem aí o primeiro jogo dos 12 necessários para conquistar a vaga na Série C do Brasileirão de 2016. 

Neste domingo, às 17h no Albertão, o River recebe o Palmas e inicia sua saga para tirar o futebol piauiense da última divisão nacional. Para empurrar o time e ajudar a reforçar o caixa, a diretoria cortou pela metade o preço dos ingressos de arquibancada do placar. Com o bilhete a R$ 10, o clube quer reunir 10.000 torcedores na estreia do Galo. 

Primeiro Palmas (TO), Santos (AP), Guarani (CE) e Imperatriz (MA), depois Imperatriz, Guarani, Santos e Palmas mais uma vez, jogos de ida e volta no Grupo A2 do torneio. Adiante serão mais duas partidas das oitavas e outras duas das quartas-de-final. Quem se classificar para as semifinais da Série D já garante o acesso. 

Foto: Fábio Lima/Cidade Verde

Parece pouco, mas o caminho é longo. A primeira fase só termina no início de setembro, com os dois melhores de cada um dos 16 grupos classificados para as oitavas-de-final. 

Além de longo, o caminho é obscuro. Por mais que se busque informações, os adversários são, em sua maioria, desconhecidos. É preciso estar preparado para qualquer obstáculo no caminho. 

Nesse cenário, o River entra com o pé direito na Série D por ter Flávio Araújo no comando técnico. Conhecido como "Rei do Acesso", ele não se abala com as dificuldades e seus comandados conseguem assimilar bem isso. 

Perguntado sobre a busca pelo acesso, Flávio Araújo demonstra foco e união. E defende diretoria, comissão técnica, jogadores e torcida unidos em busca do acesso.

- Com todos juntos as possibilidades de conquistar nossa meta, que é o acesso, aumentam.