Cidadeverde.com

Mundial de judô: pista de patinação se transforma para receber melhores judocas do mundo

Na próxima semana, os olhos do esporte em todo o planeta irão se voltar para Astana, no Cazaquistão, onde acontecerá o Campeonato Mundial de Judô, a maior competição da modalidade antes dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. O Brasil entra na disputa com 18 atletas, entre eles a piauiense Sarah Menezes, que buscará um título inédito. E a partir desta terça-feira (18) você terá notícias sobre o torneio aqui no blog Na Esportiva, até o início das lutas, no dia 24.

Para o Mundial de Judô, Astana teve de adaptar um de seus principais complexos esportivos. O Alau Ice Palace é um ginásio de patinação no gelo, com uma pista oval para a prática de provas de velocidade. Mas quem olhar para o local hoje jura que o blogueiro está tirando onda com o leitor. 

Fotos: Astana 2015 e Alau.info


Antes de depois do Alau Ice Palace, agora pronto para receber as competições de judô

O Alau Ice Palace está pronto para receber 823 atletas de 137 países durante sete dias de lutas em três áreas de tatames. Para essa transformação, a capital do Cazaquistão recebeu 120 toneladas de equipamentos. Cerca de 70 pessoas trabalham nos ajustes finais para o torneio, que contará com a ajuda de 500 voluntários. A capacidade do espaço é para 8.000 espectadores. 

Enquanto a organização trabalha nos bastidores do torneio, a delegação brasileira segue concentrada na cidade de Sainte-Geneviève de Bois, na França. O grupo embarcou para a Europa na semana passada para um período de aclimatação, visando se adaptar a diferença na temperatura - que tem variado de 11 a 33ºC no Cazaquistão, e ao fuso horário de nove horas de diferença em relação ao Brasil. 

Nesta quarta-feira (19), Sarah Menezes e os judocas que irão lutar nos primeiros dias de torneio seguirão para Astana. Os demais só irão viajar no dia 24. 

No dia 23, domingo, às 5h da manhã (horário de Brasília), acontece o sorteio das chaves. No dia 24, a partir de 2h da madrugada (de Brasília), os primeiros brasileiros entram no tatame: Felipe Kitadai (-60kg), Eric Takabatake (-60kg), Nathália Brígida (-48kg) e Sarah Menezes (-48kg). Quem entrar na disputa por medalhas volta ao tatame às 8h da manhã do mesmo dia. 

A contagem regressiva começou: faltam 6 dias para o Mundial de Judô 2015.