Cidadeverde.com

Técnica da seleção acredita em medalha de Sarah Menezes no Mundial de Judô


Ney Wilson e Rosicleia Campos no sorteio das chaves (foto: CBJ)

A técnica da seleção brasileira feminina de judô, Rosicleia Campos, participou do sorteio das chaves do Mundial de Judô, realizado neste domingo (23) em Astana, Cazaquistão. 

Acompanhada do bicampeão mundial de judô João Derly e do gestor de alto rendimento da Confederação Brasileira de Judô (CBJ), Ney Wilson, a treinadora avaliou a chave difícil que a campeã olímpica Sarah Menezes terá pela frente:

- São atletas muito fortes mas eu vejo a Sarah na melhor forma dela desde Londres. Está com um peso controlado, muita velocidade de mão, entradas de golpe rápidas... Ou seja, trabalho da comissão técnica multidisciplinar e os treinamentos em Porto Alegre e no Rio foram muito benéficos para ela. Apesar da chave estar difícil, acredito que a Sarah está preparada para conquistar uma medalha.

Sarah Menezes trocou os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá, por treinamentos no Rio de Janeiro (RJ) e em Porto Alegre (RS). Enquanto ela não compete desde abril, sua adversária na estreia, a belga Charline Van Snick, foi ao pódio cinco vezes desde o fim da suspensão de um ano por doping. 

Por outro lado, a brasileira foi campeã olímpica em Londres 2012, enquanto a belga levou bronze. A piauiense levou a melhor nos três confrontos entre as duas judocas. Quem perder, estará fora do Mundial 2015. 

Já colocou o despertador para 2h da manhã? Essa luta eu não perco por nada!

Veja as chaves do Mundial 2015: masculino / feminino