Cidadeverde.com

Sarah Menezes cai no ranking mundial; como fica a vaga para as Olimpíadas?

Após o Campeonato Mundial de Astana, no Cazaquistão, o ranking mundial de judô foi atualizado e tem apenas três brasileiros no Top 10. 

Eliminada na estreia nos dois últimos mundiais, a piauiense Sarah Menezes ocupa agora o 14º lugar no ranking e viu a distância para a brasileira Nathália Brígida, quinta colocada em Astana, diminuir para 291 pontos. 

Antes mesmo do ranking ser atualizado na última terça-feira (1º), o internauta Rodrigo Ricardo enviou e-mail para o blog preocupado com a situação:

Com o resultado do Mundial a vaga olímpica de Sarah já fica ameaçada?
mail Rodrigo Ricardo

Vamos entender melhor a classificação olímpica no judô. São no máximo 14 vagas por país, uma em cada categoria. Como sediará o evento, o Brasil tem vaga garantida, independente da posição de seus atletas no ranking mundial. 

O Brasil tem vaga. Mas a vaga não é do atleta. É da Confederação Brasileira de Judô. 

Para efeito de Olimpíada, o ranking será fechado no dia 30 de maio. A lista desta data será determinará os países com vaga em Rio 2016.

Já o Brasil deve usar o ranking para definir sua seleção olímpica. E a tendência é que a CBJ use a data limite da Federação Internacional de Judô. 

Portanto, Rodrigo e demais leitores do blog, o que Sarah Menezes precisa fazer é continuar sendo a melhor brasileira em sua categoria. E para isso, é necessário continuar disputando torneios internacionais e somando pontos. Apesar da má fase, ainda acredito que só uma lesão a tiraria de Rio 2016. 

A disputa entre Sarah Menezes e Nathália Brígida não é a mais acirrada entre os brasileiros. A diferença entre Maria Portela e Bárbara Timo é de 200 pontos. Já Rafael Silva e David Moura estão separados por 214 pontos. 

Confira a lista dos melhores brasileiros em cada categoria:

-60kg - Felipe Kitadai (13º) / Eric Takabatake (21º)
-66kg - Charles Chibana (18º) / Luiz Revite (71º)
-73kg - Alex Pombo (13º) / Marcelo Contini (34º)
-81kg - Victor Penalber (6º) / Leandro Guilheiro (55º)
-90kg - Tiago Camilo (21º) / Eduardo Bettoni (47º)
-100kg - Luciano Correa (16º) / Rafael Buzacarini (28º)
+100kg - Rafael Silva (9º) / David Moura (13º)

-48kg - Sarah Menezes (14º) / Nathália Brígida (20º)
-52kg - Erika Miranda (3º) / Eleudes Valentim (32º)
-57kg - Rafaela Silva (11º) / Ketleyn Quadros (34º)
-63kg - Mariana Silva (15º) / Mariana Barros (37º)
-70kg - Maria Portela (21º) / Bárbara Timo (27º)
-78kg - Mayra Aguiar (11º) / Samanta Soares (30º)
+78kg - Rochele Nunes (14º) / Maria Suelen Altheman (25º)