Cidadeverde.com

Natação do Piauí volta a competir no exterior após quatro anos

  • natacao-rafael-4.jpg Rafael vai disputar a Copa Pacífico, na Colômbia
    Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • natacao-rafael-3.jpg Técnico Paulo Vitor acompanhará o atleta na Copa Pacífico
    Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • natacao-rafael-2.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde
  • natacao-rafael.jpg Foto: Thiago Amaral/Cidade Verde

Em agosto de 2011, Lauro Wilson Cabral Filho representou o Brasil no Mundial Júnior de Natação em Lima, no Peru. Até hoje nenhum nadador piauiense chegou tão longe. E de lá para cá, nossos nadadores não saíram mais para longe daqui. 

Quem vai quebrar essa rotina depois de quatro anos é Rafael Garcia. O garoto da categoria Juvenil A (14 a 15 anos) embarca neste fim de semana para a Colômbia, onde disputará a Copa Pacífico.

Atleta, mãe, avô e o técnico Paulo Vitor embarcam de Teresina na madrugada de segunda-feira. Entre 23 e 26 de setembro, eles estarão na cidade de Palmira, que receberá atletas do Brasil, Chile e outros países para 35ª edição do evento. 

A convocação veio de surpresa. Rafael era o reserva, que acabou assumindo a vaga no impedimento to titular. 

- A convocação veio de maneira inesperada, mas caio no meio do período da Copa Nordeste. O treinamento não mudou. Só aumentamos a responsabilidade - diz o técnico Paulo Vitor. 

Rafael trocou a competição regional em Aracaju (SE) pela internacional na Colômbia. Vai nadar pelo menos cinco provas: 100 e 200 metros peito, e os revezamentos 4x100m medley misto, 4x100m medley masculino e 4x50m medley masculino. Se ficar entre os oito melhores em cada prova, ainda poderá disputar o torneio absoluto. Haja fôlego para nadar tanto em quatro dias. Mas a primeira chance no exterior é para se aproveitar ao máximo.