Cidadeverde.com

River pega multa de R$ 3 mil por picolé, latas e laser no Albertão

Absolvido no julgamento dos incidentes do jogo com o Lajeadense (RS), pelas quartas-de-final da Série D do Brasileirão, o River não escapou da punição em relação aos problemas na partida com o Ypiranga, pela semifinal do mesmo torneio. Mas saiu no lucro. 

O Galo poderia perder o mando de campo em razão de latas de bebidas e um picolé arremessados ao gramado do Albertão, além de um laser direcionado para o rosto do goleiro do time gaúcho. Mas nesta segunda-feira (9), o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) resolveu multar o o clube tricolor em R$ 3 mil. 

O River escapou, mas a torcida precisa fazer sua parte. Nada de atirar objetos ao gramado, levar foguetes e rojões ou mirar laser para jogadores em campo. E se alguém ver isso acontecer na final da Série D ou em qualquer partida, denuncie para a polícia. Foi assim que o clube teve sua pena reduzida.