Cidadeverde.com

Piauiense 2016: Mudar o regulamento antes do busão começar a andar

Fábio Lima
fabiolima@cidadeverde.com

O calendário da CBF é um ônibus com 13 lugares para passageiros sentados e 19 se mais alguém for em pé. No Piauí, querem embarcar 24 datas. 

É assim que será o Campeonato Piauiense se o regulamento não for alterado. Os clubes que forem para Copa do Brasil e Copa do Nordeste vão viajar sentados no busão do Estadual - meio que emprensados pela lotação, mas vão. Os outros clubes vão viajar em pé. E quem tiver pior campanha no primeiro turno, vai pendurado na porta gritando para o motorista: "não fecha".

Se o formato do Campeonato Piauiense continuar como está, pelo menos quatro times podem ficar até um mês sem jogar.

Percebam que eu falei "quatro times". Não disse quais. Até porque, os penalizados serão os que ficarem de fora das semifinais do primeiro turno. Podem ser Altos, Caiçara, Cori-Sabbá, Picos, Piauí ou até Parnahyba, Flamengo e River. 

- Ah, mas querem um regulamento só para beneficiar River e Flamengo porque são da capital...

Tu jura? Olha direito a tabela. Na última rodada de cada turno, River, Flamengo, Parnahyba e Piauí vão jogar já sabendo o resultado dos jogos de Altos, Picos, Cori e Caiçara. Poderiam até ser outros os beneficiados, mas os três primeiros vão jogar competições interestaduais e só poderão disputar as partidas do Piauiense 2016 depois.

Tudo isso só acontece agora porque a tabela do Campeonato Piauiense não cabe no calendário nacional. E isso foi aprovado pelos clubes, que agora terão a chance de revisarem tal decisão.

Não é questão de privilégio para A ou B. É preciso lembrar que só se pode mudar o regulamento a cada dois anos. Em 2017, os representantes do Piauí nas competições nacionais poderão ser outros. E o prejuízo será o mesmo para o torneio. 

Se algúem realmente acredita que esse formato novo é melhor, sugiro que pelo menos retome o modelo de 2015, com apenas um jogo na semifinal e final de cada turno. Não é lá a solução mais interessante, mas já economizariam quatro datas.

O certo é que o atual formato é ruim para todo mundo, inclusive torcida. E felizmente, há tempo para se corrigir isso.