Cidadeverde.com

Semifinalista, Tiradentes fica fora do Brasileirão Feminino 2016

Fábio Lima
fabiolima@cidadeverde.com

Parece absurdo. E é. 

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou, nesta segunda-feira (14), a lista dos clubes classificados para a disputa do Campeonato Brasileiro Feminino de 2016. 

A Sociedade Esportiva Tiradentes, semifinalista do torneio de 2015, ficou de fora da lista. 

Leandro Martins/All Sports

O motivo é o mesmo que quase deixa o Piauí de fora da competição deste ano. A CBF usa como critério não só o ranking feminino, mas também o ranking masculino, como forma de incentivar clubes tradicionais a integrarem a competição. 

Em 2015, eram 10 vagas para clubes das Séries A e B do Brasileirão masculino, oito para o ranking feminino e duas para as campeãs do Brasileirão e Copa do Brasil 2014. Foram tantas desistências que sobraram seis vagas. E assim, o Tiradentes, então 19º no ranking, entrou no torneio. 

Com a campanha no Brasileirão 2015, o Tiradentes subiu para o 17º lugar no ranking. Mesmo assim, não conseguiu vaga para 2016. 

Além do Rio Preto (SP), campeão brasileiro, e Kindermann (SC), campeão da Copa do Brasil, foram convidados 12 times pelo ranking feminino, três times da Série A e outros três da Série B masculina - quatro vagas a menos que as oferecidas no torneio anterior. 

Os clubes convidados terão até quarta-feira para confirmar presença. Na fila de desistência estão Portuguesa (SP), Botafogo (PB) e Tiradentes (PI). 

Acredito que novas desistências irão acontecer e o Tiradentes terá vaga no Brasileirão 2016. E isso servirá novamente como exemplo para a CBF, que tenta atrair sem sucesso os clubes do futebol masculino, mas terá de concordar e valorizar mais quem já trabalha com o feminino.