Cidadeverde.com

Vinícius Gabriel avalia primeiro ano no Corinthians e quer reduzir marcas em 2016

Fábio Lima
fabiolima@cidadeverde.com

Você não viu o Vinícius Gabriel Silva muitas vezes no noticiário esportivo em 2015. O maior destaque dado a ele foi nos Jogos Escolares, quando ele já defendeu São Paulo ao invés do Piauí. Uma das consequências de ter trocado as piscinas de Teresina (PI) pelas do Corinthians. 

O ano do nadador foi de adaptação. Vinícius admitiu que sentiu a diferença. Os treinos são mais intensos, dentro e fora da piscina. Talvez seja essa a principal razão para as notícias de medalhas do garoto terem sido publicadas em menor escala. 

Vinícius Gabriel cresceu - por sinal, tá um monstro. Chegará aos 18 anos em 2016 e isso muda muita coisa. Recordes estaduais já foram pulverizados, isso é coisa do passado. Agora a parada ficou mais séria e cada conquista será mais difícil ainda. 

No próximo ano, o nadador tem como meta nadar os 50 metros livre abaixo dos 22 segundos. De férias em Teresina até o início de janeiro, Vinícius conversou com o blog e resumiu sua primeira temporada no Corinthians.