Cidadeverde.com

A seis meses de Rio 2016, Sarah Menezes busca medalha em Paris

Foto: IJF Media / G. Sabau

Fábio Lima
fabiolima@cidadeverde.com

Não adianta querer fugir da contagem regressiva. Faltam seis meses para os Jogos Olímpicos Rio 2016. E neste sábado (6), quando faltarão exatos seis meses para a participação de Sarah Menezes no torneio, a judoca enfrenta mais um desafio. As lutas no Grand Slam de Paris começam às 6h da manhã (horário de Teresina). 

No momento, a campeã olímpica não quer pensar nos Jogos. Seu foco está no confronto inédito contra Tatiana Osoianu, da Moldávia, sua adversária na estreia em Paris. 

- Prefiro não contar os dias. Prefiro treinar, me sentir bem a cada dia que passa, ter um bom desempenho no dia-a-dia, me sentir feliz e sem contar os dias para os Jogos. Quanto mais próximo estiver, eu sei que estarei me sentindo melhor e bem mais treinada.

Oitava no ranking mundial, Sarah Menezes caiu na chave D do torneio, encabeçada pela belga Charline Van Snick, com quem a piauiense deve lutar nas quartas-de-final - lógico, caso as duas avancem.

Veja a chave da categoria até 48kg

Paris terá uma novidade em relação ao Grand Prix de Havana, conquistado por Sarah em janeiro. Ausentes em Cuba, as asiáticas marcarão presença na capital francesa. A mongol Urantsetseg Munkhbat, líder do ranking mundial, e as japonesas Ami Kondo e Haruna Asami, terceira e sétima colocadas na lista, estão no torneio.

As lutas eliminatórias começam às 6h da manhã, no horário de Teresina. As disputas por medalhas estão programadas para 13h, também horário do Piauí. Pela TV por assinatura, transmitem as finais de sábado ao vivo os canais ESPN e EI Maxx.

Enquanto ninguém luta em Paris e Rio 2016 não chega, Sarah Menezes deixou um recado para vocês, através da Confederação Brasileira de Judô: