Cidadeverde.com

Ceará 5x0 Flamengo-PI: os dois lados rubro-negros

Fábio Lima
fabiolima@cidadeverde.com

Existem dois Flamengos treinados por Athirson Mazzoli.

Do meio para a frente, o rubro-negro empolga o torcedor piauiense, ainda que com um ar de frustração. Foram três ou quatro jogadas de perigo contra o Ceará, com gols evitados em defesas importantes do goleiro Éverson. Nem parece que o time perdeu de goleada.

Parecido com aquele time do segundo tempo da derrota por 2 a 0 para o Sampaio Corrêa, que meteu até bola na trave. 

Do meio para trás, a história é outra. 

Foto: Christian Alekson/CearaSC.com

 

No primeiro gol, o lateral perde a disputa, a bola cruzada passa entre as pernas de um zagueiro e pela frente e outro. O gol mais difícil da vida de Siloé, só que não. 

Os dois gols seguintes vieram de lançamentos da área do Ceará. No contra-ataque, a defesa do Flamengo perdeu a corrida para Bill e Tiago Cametá. 

No segundo tempo, um pênalti bobo, convertido por Bill, e um gol de Jhonnatan fecharam a goleada. 

O Flamengo precisa melhorar o setor defensivo e a postura dele. E a última contratação do clube foi um atacante. 

Athirson precisa de peças, precisa ter mais opções. E as recisões do lateral Diego Fiúza e do meia Rocha podem ser o momento ideal para a diretoria buscar os reforços necessários.

Se a atuações da Copa do Nordeste se repetirem em um Rivengo, com o do próximo domingo, o setor ofensivo do Flamengo ganha do River, mas basta um Fabinho ou um Wanderlei no ataque tricolor para empatar a partida.

Ceará 5x0 Flamengo-PI
Bill (2), Siloé, Tiago Cametá e Jhonnatan
Copa do Nordeste - Grupo E - 2ª rodada
Estádio Presidente Vargas - Fortaleza (CE) - 21h