Cidadeverde.com

Portuguesa x Parnahyba - o Tubarão quer voar

Fábio Lima
fabiolima@cidadeverde.com

Desde a primeira participação, em 2004, o Parnahyba nunca esteve tão próximo de passar da primeira fase na Copa do Brasil. 

Naquele ano, o Tubarão, que depois viria a ser campeão piauiense na era profissional pela primeira vez, empatou em casa com o Nacional (AM): 2 a 2. Na volta, empatou em 1 a 1, em Manaus. Foi eliminado sem perder. 

Agora o time azulino tem a vantagem do empate. A vitória sobre a Portuguesa em casa, por 2 a 1, permite o empate ao clube piauiense. 

Ao mesmo tempo, o placar é perigoso. Vitória por 1 a 0 classifica a Lusa, que fez um gol fora de casa - mesmo critério que eliminou o Tubarão há 12 anos. 

Vale lembrar que o Parnahyba conta com o treinador Paulo Moroni, que em suas passagens pelo futebol piauiense demonstrou saber muito bem jogar com o resultado, seja ele uma vantagem obtida ou outra a ser revertida. 

A classificação para o torneio nacional seria o maior presente para o torcedor azulino desde o tricampeonato estadual (2004-2006). Pedro Alelaf há de abençoar o Tubarão. O clube centenário do futebol do Piauí merece alçar voos mais altos. 

Sem torcida no estádio do Canindé, para cumprir punição imposta pela Justiça Desportiva, a Portuguesa tentará dar uma resposta após a campanha ruim na Série A2 do Paulistão. 

O vencedor aguarda Vitória (BA) ou Náutico (RR), que se enfrentam na quarta-feira (27) em salvador. Os baianos venceram o primeiro jogo por 3 a 2.

Portuguesa x Parnahyba
Copa do Brasil - 1ª Fase - Jogo de volta
21h30 - Estádio do Canindé - São Paulo
TV: Fox Sports 2