Cidadeverde.com

Goiás 2x1 River - Dalton repete Naylson. O Galo avança

  • river-go.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • dalton-go.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-32.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-33.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-31.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-30.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-29.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-28.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-27.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-26.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-25.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-24.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-23.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-22.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-21.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-20.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-19.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-18.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-17.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-16.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-15.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-14.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-13.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-12.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-11.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-10.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-9.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-8.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-7.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-6.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-5.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-4.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-3.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-2.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube
  • goias-river-1.jpg Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás Esporte Clube

Fábio Lima
fabiolima@cidadeverde.com

Jogo foi pros pênaltis
Fiquei preocupado
Mas tô aliviado
Dalton é meu Jesus! 
Dalton é meu Jesus! 
Dalton é meu JESUS! 

A festa é tricolor
E o Galo é o que canta mais
Tchau pro Goiás! Tchau pro Goiás!

Ficou boa a paródia? Nem precisa. A principal intenção era aproveitar a música do Asa de Águia, que ficou famosa na internet para comemorar os gols do Goiás. 

Esse River faz essa torcida sofrer demais, mas hoje foi dia do Galo cantar mais alto que o Periquito no Serra Dourada. 

Eduardo tem estrela. Podem falar o que quiserem. O cara volta pro time, treina dois dias, entra de titular e faz gol aos 8 minutos de jogo. Nasceu pra isso. 

Rafhael Lucas parece que também tem estrela. Empatou logo depois e virou o jogo no segundo tempo. 

Derrota devolvida com o mesmo placar. Como previsto, confronto equilibrado, jogo difícil. 

Os dois times tinham problemas no gol. No Goiás, o titular Renan, com dores musculares, deu lugar a Ivan. No River, Naylson, com a virose da moda, foi substituído por Dalton. 

E foram os goleiros reservas que proporcionaram uma noite de tirar o fôlego. 

A torcida goiana empurrava Ivan, que tinha sentido a coxa ainda durante o jogo e não pode ser substituído. E ele fechou o gol duas vezes, até a última cobrança alternada. 

O que os goianos não sabiam era de Dalton, que veio para o River em 2015 pronto para ser titular, mas se machucou e viu Naylson assumir o posto e não largar mais. 

No banco, Dalton viu Naylson ser herói na semifinal da Série D do Brasileirão do ano passado. Contra o Ypiranga (RS), o goleiro defendeu dois pênaltis e converteu a última cobrança em favor do River.

Hoje, Dalton fechou o gol três vezes e foi para a nona cobrança do Galo, garantindo a classificação tricolor. 

A história se repete. Não pode ser por acaso. 

O River passa de fase na Copa do Brasil mais uma vez. Tirou o Jaguaré (ES) em 2008 e caiu na fase seguinte ante o Botafogo (RJ). 

Agora o Galo vai enfrentar outro Botafogo, o da Paraíba, que eliminou o Linense (SP) nos pênaltis por 6 a 5, após dois empates em 1 a 1. 

O mesmo Botafogo que enfrentou o River quatro vezes na Copa do Nordeste nos últimos dois anos, perdeu três vezes e empatou uma. As datas dos dois novos confrontos ainda serão definidas. 

Goiás 2x1 River (nos pênaltis, 7x8)
Copa do Brasil - 1ª Fase - Jogo de volta
19h30 - Serra Dourada - Goiânia (GO)
Gols: Eduardo (River 8' 1T), Rafhael Lucas (Goiás 11' 1T; 16' 2T)