Cidadeverde.com

Adeus, Valter Maranhão

Foto: APPM

Atualizada às 19h11

O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) confirmou, na noite desta quarta-feira (12), a morte cerebral do ex-jogador e treinador de futebol Valter Lima Vieira, conhecido como Valter Maranhão, 60 anos. Ele foi internado na UTI do HUT no início da noite do último sábado (8), após sofrer um acidente vascular cerebral hemorrágico.

Depois de todos os exames, a equipe médica levantou a suspeita de morte cerebral. O protocolo para confirmar essa suspeita só foi aberto ontem, sendo que o último exame foi realizado nesta quarta-feira, confirmando a morte encefálica.

Segundo o HUT, com a confirmação, a medicação aplicada é suspensa até a parada total do paciente.  

Como atleta, o maranhense veio ao Piauí para defender a Sociedade Esportiva Tiradentes, sendo campeão piauiense em 1982.  

A carreira como treinador é lembrada pelas inúmeras passagens pelo Flamengo, seja como técnico de equipes profissionais ou de base, ou substituíndo os treinadores demitidos durante competições. Também exerceu a função de diretor de futebol. 

Até setembro, Valter Maranhão comandou o Esporte Clube Timon (MA), que disputou a segunda divisão do Campeonato Piauiense sem conseguir o acesso.