Cidadeverde.com

Clavícula quebrada e ouro inédito para o ciclismo do Piauí

O fim de semana foi de dor e alegria para a ciclista Karine de Macedo Frota. A dor veio pela fratura da clavícula durante a Copa Norte-Nordeste de Ciclismo de Estrada, disputada em Boa Vista (RR). A alegria veio em forma de medalha de ouro, com o título na prova contrarrelógio, conquista inédita para o esporte do Piauí. 

Foto: Divulgação

Karine Frota fechou a prova em 6 minutos e 25 segundos, seguida pela roraimense Tatielle Valadares (6min45s) e a amazonense Rebeca Fonseca (6min46s), que completaram o pódio. 

- Eu não conhecia o circuito então cheguei apenas com informações de terceiros e acabei sendo surpreendida com um circuito muito seletivo, onde busquei fazer o meu melhor e acabou dando tudo certo - disse a atleta ao site da CBC.

A ciclista ainda ficou perto de outra medalha. Karine ficou em quarto lugar na prova de resistência, onde sofreu uma queda e mesmo assim completou a prova. De volta ao Piauí, a ciclista começou a recuperação física.

- Fiquei apenas com o ouro no Contra Relógio, mas eu estou feliz demais, tanto que não cabe em mim. Estou agradecida por todos que me apoiam e torcem por mim.

George Rodrigues, presidente da Federação de Ciclismo do Piauí, também comemora:

- É um grande feito, pois o ciclismo de estrada é muito competitivo no Norte e Nordeste, em estados como a Bahia, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Pará, Sergipe e no Amazonas.

No masculino, o Piauí foi representado por Emanuel Rabelo, que ficou com o 5º lugar no contrarrelógio e o 8º lugar na prova de resistência.